summary_large_image
A CRENÇA, A RAÇA… O LEÃO
Nós não temos o melhor plantel, é factual, mas deveríamos e poderíamos ter uma mentalidade vencedora.
03 Jun 2020, 12:00

Iremos retomar o campeonato esta semana.

Esperançados, que iremos fazer bons jogos, que iremos vibrar com as vitórias, com a alegria de passado tanto tempo, ver a bola a rolar e ver o nosso Sporting a jogar.

Em muitos momentos de introspeção leonina, questiono-me o motivo para ganharmos campeonatos espaçados de vinte anos.

Existem várias justificativas: o dinheiro, ou a falta dele, as gestões nefastas dos últimos vinte cinco anos, a falta de influência nos órgãos que tutelam o futebol profissional; enfim um sem número de motivos para isso acontecer.

O dinheiro compra qualidade, as gestões destroem o dinheiro, a falta de influência muitas vezes faz-nos ser prejudicados em momentos importantes da época.

Este, é um cocktail amargo, que ajuda a não termos sucesso.

Existe outro e, para mim, é tão ou mais importante que estes que aqui elenco.

Mentalidade; a crença, a raça… o Leão.

A estrutura do Sporting, que diz respeito ao futebol profissional, terá de ser uma estrutura reduzida, onde só esta estrutura integra o dia a dia do futebol profissional.

Onde é proibido vice-presidentes, dirigentes, entrarem no espaço sagrado do balneário.

Terá de ser blindado, e que os jogadores se sintam seguros e protegidos.

Que se crie um ambiente de confiança entre jogadores e este núcleo duro.

Nem sempre as equipas que tem os melhores jogadores, ganham campeonatos porque muitas vezes isso pode ser suplantado pela raça, pelo querer, pela vontade, pela mentalidade.

Nós não temos o melhor plantel, é factual, mas deveríamos e poderíamos ter uma mentalidade vencedora.

Tem de se criar as condições para se criar uma família no balneário, uma família de verdade, uma família onde cada um deles se for preciso, dê um sprint aos noventa e dois minutos, onde já não existe força, para ir dobrar o colega.

Uma família, que entre em cada jogo, com um espírito de missão, como se de uma guerra se tratasse, onde nos tuneis de acesso, olhe para os adversários olhos nos olhos, e passe a mensagem; nós estamos aqui, e estamos aqui para vencer!

Uma família, que em alvalade, com a ajuda de todos nós, com a ajuda das claques, criemos um ambiente tão hostil, que os nossos adversários, tenha receio e saibam que é muito difícil jogar na nossa fortaleza.

Uma família, que se jogarmos em campos difíceis, como é o caso do FCP, os afrontemos, e que o hotel que vamos pernoitar seja no coração da cidade do Porto, para dissermos; nós estamos aqui, não nos escondemos, somos valentes e estamos aqui para ganhar!

Uma família, onde se houver uma derrota, todos sofram e todos sintam, mas que todos, juntos deem as mãos e voltem à luta.

Sem esta simbiose, sem esta crença, sem esta vontade, iremos continuar anos a fio sem sermos campeões.

Isto é a tão falada mística, é a mística que se tem de ter, para ganhar com regularidade.

E é, esta a mística, que tem de ser respirada pelos nossos jovens na nossa academia, o futuro do nosso clube.

Espero, que esta direção, tenha aproveitado estes tempos de lay-off, para refletir e entender, que o rumo que estava a ser seguido era o rumo para o abismo… e para o bem do nosso Sporting, que tenham a inteligência de o saber mudar.

  Comentários
Mais Opinião
Gonçalo Fernandes
O NOSSO SPORTING!
O Sporting CP só se poderá levantar, no curto prazo, se o atual Presidente tomar a única decisão possível e aceitável, e que é demitir-se!
Gonçalo Fernandes
O SPORTING DO BEM!
Porque já percebemos que o Presidente Varandas nada percebe de futebol, tem uma equipa diretiva que nada percebe de futebol.
Gonçalo Fernandes
CHEGA… DA DIRECÇÃO DOS RECORDES!
Esta direção é incapaz e é incompetente. Se não têm vergonha e, por isso, não se demitem, o Dr. Rogério Alves tem de devolver a palavra aos Sócios.
Gonçalo Fernandes
VIVA O DR. VARANDAS!
Queixamo-nos de quê? Não fomos nós, ou pelo menos 71% de nós, que contribuímos para que o dr. Varandas fosse eleito Presidente do Sporting CP?
Gonçalo Fernandes
DDT DECIDIU! NÃO TEREMOS AG!
Quanto à entrevista do Presidente: um discurso miserabilista, sem carisma, com total alheamento da realidade, acreditando e tentando fazer passar a mensagem de que estamos no caminho certo.
Gonçalo Fernandes
DEFINITIVAMENTE, ISTO NÃO É O SPORTING!
Peço que me desculpem, mas ninguém me convence de que o que estamos a assistir hoje não é uma obscenidade e, cada vez mais, uma verdadeira tragédia.
Gonçalo Fernandes
QUAL É O SPORTING QUE QUEREMOS?
Ir a Alvalade deixou de ser uma festa, para se tornar num pesadelo. Ver o que vi fez-me lembrar documentários de grandes ditadores e fascistas.
Gonçalo Fernandes
SILAS É UM SENHOR E UM GRANDE SPORTINGUISTA
Ao contrário de Varandas que não passa de um lagarto