summary_large_image
A CRESCER
O campeonato também se ganha na comunicação. E eu gosto desta comunicação. Serena. É assim que tem que ser. É assim que criamos um espírito combativo.
Imagem de destaque03 Nov 2020, 12:33

Estamos, jogo a jogo, a crescer. O nosso Sporting começa a apresentar uma equipa. É, sem dúvida, uma tremenda melhoria. Os miúdos, juntamente com reforços cirúrgicos, como são Pote e Nuno Santos, mais a experiência de Adan e a classe de João Mário, com o músculo de Palhinha, começam a dar nas vistas.

E que grande discurso do nosso treinador, Rúben Amorim. Sereno. Sem euforias, nem depressões. Focado no futuro, sem grandes alaridos. Não é tempo de alaridos. É tempo de continuar como estamos. Sem olhar para o lado. Sem triunfalismos que, no passado, tanto nos prejudicaram. O campeonato também se ganha na comunicação. E eu gosto desta comunicação. Serena. É assim que tem que ser. É assim que criamos um espírito combativo.

Pressão? Só a camisola do Sporting é pressão natural. O resto vem por acréscimo. Erros? Todos os dias, todos nós. Mas ver entrega, ver vontade e ver qualidade, é motivo de orgulho para os sportinguistas. É isso que tenho visto.

Mantendo o foco, no jogo a jogo. Os outros são os outros e que se preocupem com eles. Nós, em nossa casa, queremos é pensar na evolução do Nuno Mendes, queremos é a rivalidade nas alas para o Jovane, o Nuno Santos, o Tiago Tomás, o Plata ou Pote rodarem. Queremos é o Matheus Nunes a crescer. Queremos é ver o Eduardo Quaresma com vontade de lutar pelo lugar com o Neto.

Nós, em nossa casa, devemos cuidar dos nossos. É por aí. O resto vem por acréscimo.

  Comentários