summary_large_image
AS REGRAS E OS VÍCIOS DO COSTUME…
A desorientação e a falta de coerência que reina nos dias de hoje é notória e só se explica (ou não...) pelos superiores interesses que a economia detém na indústria.
Imagem de destaque03 Mai 2020, 11:00

A desorientação e a falta de coerência que reina nos dias de hoje é notória e só se explica (ou não…) pelos superiores interesses que a economia detém na indústria e, neste caso, no desporto em particular. Não se entende que seja possível reunir no dia 1 de maio milhares de pessoas e não seja possível ter mais do que 6 pessoas no velório de um ente querido. Este é apenas um de muitos exemplos em que os superiores interesses políticos e económicos se sobrepõem ao racional e o que deveria ser feito.

Ninguém duvida que todo e qualquer deporto coletivo não deve ter qualquer atividade pelos menos nos próximos 2 meses. Seria obvio terminar todos os campeonatos e preparar desde já o início da próxima época, mas como todos sabemos, o futebol por si só movimenta muito mais dinheiro do que todas as outras modalidades juntas. Só por isso se entende (eu não…) que após 2 meses de dúvidas terminem todas as modalidades menos o futebol. E mesmo aqui falamos do campeonato principal pois todos os outros escalões foram dados como terminados.

Ficámos a saber que os órgãos de decisão e envolvidos nesta questão (governo, liga e federação) querem retomar no dia 30 e 31 de maio o campeonato. Posto isto, e sem ainda terem decidido algumas regras do como se descem de divisão, foi preparado um manual de boas práticas de higiene para que todos os intervenientes do jogo não possam ser contaminados. Entre elas destaco – pelo ridículo da situação – que todos os jogadores não se podem cumprimentar para que se evite um eventual contágio. Faltou foi neste manual ridículo e, desculpem, estúpido, dizer como se processa o jogo durante os 90 minutos. Seria algo do género: durante o jogo os jogadores têm de ficar afastados 1 metro e como tal quem tem a bola não pode ser importunado e deverá correr apenas 10 metros com a bola, pois se não existir este limite, a jogada terminaria em golo. Nos pontapés de canto a marcação do mesmo, deverá manter o tal metro de distância e quando a bola for no ar ninguém se pode mexer para que não exista contato. E deverão jogar todos de máscara mesmo que isso possa ser incomodativo…. enfim, ridicularizo este tema pois apenas pelos valores que o futebol envolve é que se percebe esta decisão. Não me conformo com esta decisão nem a aceito. Mas cá estarei para ver páginas e páginas sobre o tema. Vai ser interessante quando tivermos o primeiro jogador infectado. As regras dizem que quem esteve em contato deverá ficar isolado no mínimo 15 dias e só após 2 testes negativos deverá ficar livre para poder sair e mesmo assim com máscara e devidamente protegido. Claro que aqui irá existir outra regra para o bem do futebol, caso contrário acredito que após duas jornadas existirão poucas equipas disponíveis para jogar de 4 em 4 dias….

Em suma, volto ao que escrevi há 4 semanas atrás. Se o SL Benfica estivesse em primeiro lugar tenho a certeza que nada disto acontecia. O campeonato já tinha terminado e o título entregue.

Para terminar, e sendo um dia tão especial, quero desejar a todas as mães um dia muito feliz e com muita saúde, e em particular, à minha mãe e à mãe do meu filho. Neste ponto acredito que não existam superiores interesses e decisões ridículas. Aqui o amor é puro e incontestável. Bom dia da Mãe!

  Comentários