summary_large_image
CAMPEONATO PARA O “GAL(IN)HEIRO”?
Persistir em erros de casting, com prejuízo claro para o Sporting, não é teimosia nem carácter… é estupidez!
22 Set 2022, 10:43

Com sete jornadas disputadas, temo um quinto do campeonato já disputado. Em nono lugar, o Sporting encontra-se à mesma distância da liderança que da zona de despromoção.

Se temos o Benfica já com onze pontos de avanço, é também de realçar que o Braga dispõe de uma vantagem de nove e o Porto de seis pontos, respetivamente, sendo que apenas os dois primeiros lugares dão acesso à Champions League 23/24. O terceiro lugar apenas dá direito a entrar no playoff. Neste contexto, há que dizer que o campeonato, no que nos diz respeito, encontra-se perdido.

O Sporting encontra-se, pois, numa posição extremamente delicada, na qual compromete também a capacidade de investimento e atração de talento para a próxima época. Este cenário de tibieza dos Leões contrasta com o dos rivais da Segunda Circular, que já se projetam como campeões, antes mesmo do fim de setembro. Nos meios tradicionais, a onda triunfal sobrepõe-se ao facto de atravessarem um “jejum” completo de três anos, tal é a vontade que o campeonato vá para o “galinheiro” …

Mas parece que está tudo bem por Alvalade. Afinal, ninguém dá a cara pela péssima classificação, um goal average quase nulo, apresentando a quinta pior defesa de um campeonato com dezoito equipas. Como referi no lançamento da época, a defesa não foi convenientemente reforçada (1). Preparar uma época com St. Juste, um lesionado crónico (2), Luís Neto e Ricardo Esgaio é, de facto, brincar com a sorte, sobretudo quando se “desmonta” o meio-campo campeão que protegia a defesa, como era Palhinha e Matheus Nunes. Treinador e estrutura colocarem-se nas mãos de Paulinho, único ponta de lança do plantel, torna-se temerário para enfrentar os “autocarros” do campeonato português, que foram precisamente desenhados para travar ataques móveis e tecnicistas dos três grandes.

Se Amorim continua em boa forma no que respeita à forma como lida com a comunicação social, continua no campo a cometer erros que custam pontos ao Sporting. A inexistência dum “plano B” tático, bem como a insistência em jogadores que não rendem, criará, para quem acompanha o futebol de forma mais atenta, dúvidas se Rúben Amorim tem capacidade para outros voos. Persistir em erros de casting, com prejuízo claro para o Sporting, não é teimosia nem carácter… é estupidez!

A Seleção joga no sábado, dia 24, na República Checa. A derrota escusada com a Suíça impõe a necessidade de duas vitórias, sendo que o outro jogo é com a Espanha, dia 27. Curiosidade, pois, para ver como está a “estrelinha” de Fernando Santos, em véspera do Mundial do Qatar. Olhando para o lote de selecionados, onde não se encontra nenhum jogador do Sporting, não obstante a elegibilidade óbvia de Pedro Gonçalves e Gonçalo Inácio, dá a ideia de que o Selecionador Nacional não tem fé no que é verde e branco (3). E se assim for, também creio que o sentimento da maioria dos Sportinguistas é recíproco…

Diretor Leonino

 

  1. https://leonino.pt/opiniao/veremos-o-que-acontece/
  2. https://www.transfermarkt.pt/jeremiah-st-juste/verletzungen/spieler/288253
  3. https://leonino.pt/jogador-do-sporting-esta-revoltado-e-aponta-o-dedo-a-fernando-santos/
  Comentários
Mais Opinião
Pedro Geada
ESTÁ DADO O ´PONTAPÉ DE SAÍDA´
Sendo um projeto de e para Sportinguistas, queremos que seja, e será certamente, um ‘rugido’ de referência que se ouvirá no Reino do Leão!
Pedro Geada
DA “GUERRA DOS SEIS DIAS” AO VIETNAME”
Diz o povo que "mais vale um mau acordo que uma boa demanda"...será isso possível neste caso?
Pedro Geada
A LIDERANÇA E O HORROR AO VAZIO
A falta de atitude, garra e vontade de vencer é das coisas que mais irrita os Sportinguistas, quase tanto como os próprios insucessos.
Pedro Geada
ESTE SILÊNCIO NÃO É DE OURO… É DE LATA!
O Presidente do Sporting deve ser o primeiro guardião dessa ambição, dessa exigência e dessa intransigência, a favor da excelência na performance de equipas e atletas!
Pedro Geada
NIXON NA JUGOSLÁVIA COM OS OUVIDOS EM PARIS
É preciso que o bom senso e o sentido de Clube voltem a imperar, colocando os superiores interesses do Sporting em primeiro lugar!
Pedro Geada
UM SÁBADO DO INVERNO DO NOSSO DESCONTENTAMENTO
Presume-se assim que Salgado Zenha não seja fã de campismo... mas nem os rivais diminuem o Sporting com declarações destas.
Pedro Geada
3 + 3 x 3: A CONTA QUE O FUTEBOL FEZ
Miguel Albuquerque sabe que o seu desempenho como Diretor é avaliado por resultados e títulos, sinalizando, assim, que não está com contemplações para quem não os obtém.
Pedro Geada
ASSUMIR RESPONSABILIDADES E TOMAR DECISÕES
Os 11 anos de futebol, que Varandas tanto proclamou, agravam agora um atestado de inaptidão para deter o pelouro do Futebol na SAD.
Subscreva a newsletter Leonino
Email