summary_large_image
CURIOSIDADES E PARALELISMOS
Assim, o Sporting mantém-se a um ponto da liderança, liderança essa que esteve ontem quase a ser alcançada, caso o Vizela tivesse aguentado 98 minutos de jogo sem sofrer golos…
25 Out 2021, 09:39

Dois jogos e duas vitórias importantes para o decorrer da época 21/22. Na terça-feira, no primeiro momento decisivo da campanha europeia, o Sporting não vacilou, trazendo de Istambul, três pontos, com os prémios monetários a eles associados e ainda se deu ao luxo de concretizar a maior vitória fora de casa, na Champions League. Fundamental, no próximo dia 3 de novembro, vencer de novo os turcos, desta vez no Estádio José Alvalade, para garantir, desde já, a continuidade europeia, primeiro na Liga Europa, tendo os ouvidos em Dortmund para saber o resultado dos alemães frente ao Ajax.

Tendo o capitão Coates sido, porventura, o protagonista maior de Istambul, não perdeu a pedalada neste sábado, frente ao Moreirense. Historicamente, na ressaca dos jogos europeus, o Sporting costuma ter dificuldades nos jogos seguintes para o campeonato. Com efeito, os 35 mil espetadores (1) não tiveram jogo com nota artística, mas o mais importante foi atingido: os três pontos, com um golo de Coates, através de mais um cabeceamento fulgurante. Assim, o Sporting mantém-se a um ponto da liderança, liderança essa que esteve ontem quase a ser alcançada, caso o Vizela tivesse aguentado 98 minutos de jogo sem sofrer golos…

Nas modalidades, destaque para a espetacular vitoria, no último segundo, para a EHF, da equipa de andebol do Sporting, através de Gassama, que levou ao delírio quem presenciou o jogo, sobretudo no Pavilhão Joao Rocha (2). Quando se fala em Sporting e no seu lema, nunca podemos esquecer que Esforço, Dedicação e Devoção tem de ter o seu epilogo em Glória…lapidar!

No sábado realizou-se também a Assembleia Geral para tentar, mais uma vez, aprovar as contas. Caso para dizer que à terceira foi de vez (3). Com os apelos durante a semana, a que se somou os bons resultados desportivos, sobretudo no futebol, a aprovação estava mais que garantida. Existem paralelismos interessantes: na assembleia geral de 18 de fevereiro de 2018, a direção de Bruno de Carvalho via a sua exigência de alteração de estatutos confirmada por 87% dos votos, com cerca de 6000 votantes (4). A Direção de Frederico Varandas viu as suas contas a serem finalmente aprovadas por 83%, com cerca de 7000 votantes. Curioso, não? No à posteriori, há sempre quem fale na maioria silenciosa, pelo que, relembrando que estiveram 35 mil espetadores em Alvalade, fica a dúvida: como interpretar o silêncio dos restantes 28000?

  1. https://www.abola.pt/nnh/2021-10-24/leao-segue-invicto-no-regresso-a-casa/910296
  2. https://leonino.pt/gassama-levou-pavilhao-joao-rocha-a-loucura-video/
  3. https://leonino.pt/a-terceira-foi-de-vez-contas-aprovadas-por-larga-maioria/
  4. https://www.dn.pt/desporto/sporting/bruno-de-carvalho-ganhou-a-assembleia-geral-9126391.html
  Comentários
Mais Opinião
Pedro Geada
ESTÁ DADO O ´PONTAPÉ DE SAÍDA´
Sendo um projeto de e para Sportinguistas, queremos que seja, e será certamente, um ‘rugido’ de referência que se ouvirá no Reino do Leão!
Pedro Geada
DA “GUERRA DOS SEIS DIAS” AO VIETNAME”
Diz o povo que "mais vale um mau acordo que uma boa demanda"...será isso possível neste caso?
Pedro Geada
A LIDERANÇA E O HORROR AO VAZIO
A falta de atitude, garra e vontade de vencer é das coisas que mais irrita os Sportinguistas, quase tanto como os próprios insucessos.
Pedro Geada
ESTE SILÊNCIO NÃO É DE OURO… É DE LATA!
O Presidente do Sporting deve ser o primeiro guardião dessa ambição, dessa exigência e dessa intransigência, a favor da excelência na performance de equipas e atletas!
Pedro Geada
NIXON NA JUGOSLÁVIA COM OS OUVIDOS EM PARIS
É preciso que o bom senso e o sentido de Clube voltem a imperar, colocando os superiores interesses do Sporting em primeiro lugar!
Pedro Geada
UM SÁBADO DO INVERNO DO NOSSO DESCONTENTAMENTO
Presume-se assim que Salgado Zenha não seja fã de campismo... mas nem os rivais diminuem o Sporting com declarações destas.
Pedro Geada
3 + 3 x 3: A CONTA QUE O FUTEBOL FEZ
Miguel Albuquerque sabe que o seu desempenho como Diretor é avaliado por resultados e títulos, sinalizando, assim, que não está com contemplações para quem não os obtém.
Pedro Geada
ASSUMIR RESPONSABILIDADES E TOMAR DECISÕES
Os 11 anos de futebol, que Varandas tanto proclamou, agravam agora um atestado de inaptidão para deter o pelouro do Futebol na SAD.