summary_large_image
DE OLHOS POSTOS NO FUTURO, TÍTULO PODE SURGIR JÁ ESTE ANO
Responsáveis leoninos não esperavam ganhar já. Foi Carlos Carneiro quem o disse. No entanto, a verdade é que o andebol do Sporting pode muito bem vir a ser Campeão Nacional já nesta temporada.
Imagem de destaque25 Mar 2022, 16:14

O negócio foi oficial a 11 de julho de 2021. Pedro Valdés trocou o andebol do Sporting pelo Porto. No Leonino, a 24 de junho, demos, em exclusivo, que o negócio estava muito perto de acontecer e, uns dias depois, a 29 de junho, confirmamos que Valdés ia mesmo ser jogador dos dragões.

A bomba tinha rebentado e houve quem duvidasse da veracidade da nossa notícia. Sobre isto, apenas uma nota. Não vamos acertar sempre; ninguém acerta, mas não ‘inventamos’ nada. Fazemos o nosso trabalho, confirmamos as nossas fontes. Acontece que os processos não são estanques e, por vezes, sofrem alterações.

Mas, voltando à mudança de Valdés para o Porto – que, por sinal, foi ganhar um salário principesco – a verdade é que foi um rude golpe nas aspirações verdes e brancas. Porém, os leões não se ficaram e responderam com a contratação de dois jovens prodígios do andebol português, ‘roubando-os’ aos dragões: Francisco Costa e Martim Costa. O Sporting foi ‘obrigado’ a desembolsar qualquer coisa como 250/300 mil euros pelos irmãos Costa, aos quais se juntou o pai, Ricardo Costa, para orientar os verdes e brancos.

A estes nomes, somaram-se Yassine Belkaid (jovem guardião tunisino de 21 anos), Natán Suárez (central espanhol de 24 anos), André José (jovem central português de 20 anos), Mamadou Gassama (ponta espanhol de 28 anos), Josep Folqués (ponta espanhol de 25 anos), Erekle Arsenashvili (pivô georgiano de 23 anos) e Jonas Tidemand (pivô dinamarquês de 27 anos).

Perante este cenário – de uma equipa bastante jovem, misturada com alguma experiência –, Carlos Carneiro, diretor da secção, fez questão de dizer, logo no início da temporada, que seria um ano zero. Apesar de os adeptos não gostarem de ouvir, e olhando para os projetos de Porto e Benfica (com investimentos bem superiores ao dos leões), Carneiro tinha razão.

De resto, antes da deslocação do Sporting ao terreno do Benfica, o diretor verde e branco voltou a colocar a pressão do lado dos encarnados. Porém, a turma de Alvalade demonstrou uma enorme fibra e triunfou no terreno dos encarnados, por 27-30, lançando-se na luta pelo título ou, pelo menos, do segundo lugar. Uns meses depois, na deslocação ao Dragão, o conjunto de Ricardo Costa perdeu apenas por um (31-30), deixando água na boca dos Sportinguistas.

Perante todos estes resultados, ao dia de hoje, o Sporting ocupa o primeiro lugar do Campeonato Placard Andebol 1, com 58 pontos em 20 jogos (19 vitórias e uma derrota). O Porto é segundo (55 pontos em 19 encontros) e o Benfica é terceiro (53 pontos em 19 partidas).

Com dez jogos para o final do campeonato, e salvo alguma surpresa, os jogos do título serão disputados no Pavilhão João Rocha: Sporting – Benfica (24.ª jornada, 23 de abril) e Sporting – Porto (26.ª jornada, 7 de maio). Porto e Benfica medirão forças a 22 de maio, pelas 18h00, no Dragão Arena (28.ª jornada).

As contas são relativamente fáceis de se fazer. Se os leões venceram o Porto, serão, com elevada probabilidade, campeões nacionais. É verdade que, em caso de derrota caseira frente ao Benfica, as águias, se venceram no Dragão, poderão ser campeãs, mas é um cenário menos provável.

A tarefa não se adivinha nada fácil, sobretudo porque o Porto é um conjunto muito experiente e bastante habituada a grandes jogos. Apesar de estar uns furos abaixo do que apresentou em épocas anteriores – sofrendo com às saídas de Miguel Martins e André Gomes –, os azuis e brancos continuam a ser uma grande equipa. Espera-se, portanto, uma tremenda batalha no João Rocha.

Pelo meio, o Sporting disputou a fase de grupos da EHF European League. Esta competição foi, até ao momento, o ponto fraco da temporada leonina, uma vez que, apesar da qualificação para os oitavos-de-final, os leões ficaram apenas no quarto lugar e poderiam (e deviam) ter terminado mais acima no grupo. Nesta prova, segue-se o Magdeburg (primeiro classificado da liga alemã e uma das melhores equipas do mundo).

No entretanto, surgiram algumas notícias já sobre a próxima temporada. O Sporting já terá assegurado a contratação do guarda-redes argentino Leonel Maciel e do pivô polaco Patryk Walczak. Jens schöngarth renovou contrato com os leões, afastando os rumores sobre a possível chegada de Diogo Silva (lateral do Porto), que tem contrato com os dragões até 2023.

A finalizar, deixo o calendário do conjunto de Ricardo Costa até final da temporada. Há três competições para disputar (Placard Andebol 1, Taça de Portugal e EHF European League) e pelo menos 13 jogos para disputar. Referir que ainda não há sorteio para a final four da prova rainha, onde estão também Porto, Benfica e Madeira SAD.

Confira a agenda do andebol do Sporting até final da temporada:

  • Sporting – ABC (26 de março, 18h00)
    • 21.ª jornada do Campeonato Placard Andebol 1
  • Sporting – Magdeburg (29 de março, 19h45)
    • 1.ª mão dos oitavos-de-final da EHF European league
  • Gaia – Sporting (2 de abril, 15h00)
    • 22.ª jornada do Campeonato Placard Andebol 1
  • Magdeburg – Sporting (5 de abril, 19h45)
    • 2.ª mão dos oitavos-de-final da EHF European league
  • Sporting – Boa-Hora (9 de abril, 18h00)
    • 23.ª jornada do Campeonato Placard Andebol 1
  • Sporting – Benfica (23 de abril, 18h00)
    • 24.ª jornada do Campeonato Placard Andebol 1
  • Sanjoanense – Sporting (30 de abril, 15h00)
    • 25.ª jornada do Campeonato Placard Andebol 1
  • Sporting – Porto (7 de maio, 18h00)
    • 26.ª jornada do Campeonato Placard Andebol 1
  • Águas Santas – Sporting (14 de maio, 18h00)
    • 27.ª jornada do Campeonato Placard Andebol 1
  • Sporting – Madeira SAD (21 de maio, 17h00)
    • 28.ª jornada do Campeonato Placard Andebol 1
  • SC Hora – Sporting (28 de maio, 21h00)
    • 29.ª jornada do Campeonato Placard Andebol 1
  • Sporting – Póvoa (4 de junho, 18h00)
    • 30.ª jornada do Campeonato Placard Andebol 1

*Calendarização de acordo com a Federação Portuguesa de Andebol

  Comentários
Mais Opinião