summary_large_image
FINALMENTE VARANDAS FALOU
Raramente concordo com Varandas, mas concordo e gostei da resposta que deu a Pinto da Costa, que “quando se retirar, ou for obrigado a retirar, prestará um grande serviço ao futebol português".
24 Out 2020, 13:10

Sempre fui muito crítico da gestão de silêncio do presidente do Sporting. Varandas quase nunca deu a cara e muitas vezes falou só para alegadamente se defender, quando, na minha opinião, o devia ter feito para defender o nosso clube dos seus inimigos.

Após a vergonha que se passou com o VAR no jogo com o FC Porto, era obrigatório que o presidente do Sporting viesse criticar uma péssima arbitragem que prejudicou o clube e lhe retirou dois pontos, neste campeonato nacional. Ainda bem que o fez, pois já devia ter falado mais vezes.

Já vi ilustres sportinguistas dizer que Varandas fez mal, pois somos um clube diferente. É verdade que somos um clube estribado em princípios diferentes, mas não nos podemos esquecer que por causa desse discurso, ao longo das últimas décadas, temos sido muito prejudicados pelas arbitragens. Depois, vemos os nossos principais rivais, que passam a ideia de que nunca falam de arbitragens, a falarem sempre, mas mesmo sempre, quando se sentem prejudicados ou quando percecionam que, falando, podem influenciar em benefício próprio.

É lamentável ver que muita gente no futebol, sempre que se fala no “Apito Dourado” do FC Porto ou nos emails relacionados com o SL Benfica, argumentem contra o Sporting com o vergonhoso Caso de Paulo Pereira Cristóvão, que depositou dinheiro na conta de um árbitro. Só que se esquecem que o Sporting não tem sido campeão durante muitos anos e, mesmo se cruzarmos esse facto, verificamos que ele não teve ganhos desportivos. Já o inverso não acontece, pois se formos cruzar os referidos casos e ver quem foi campeão nesses anos, podemos, pelo menos, ficar com dúvidas.

Além disso, o Sporting, neste tipo de casos, como não tem nada a esconder, não só não faz a defesa exagerada de alguns dirigentes, como ainda toma as medidas necessárias para que deixem de pertencer à família sportinguista.

Pinto da Costa respondeu a Varandas porque se falou do “Apito Dourado” e foi muito infeliz com o que disse sobre o ataque a Alcochete. Todos nós já ouvimos muitas daquelas escutas que circulam pela net, e percebemos que, infelizmente para o Sporting, ao longo de muitos anos, não bastou ter grandes equipas, faltava sempre outra coisa qualquer que nenhum Sportinguista quer utilizar para vencer.

Raramente concordo com Varandas, mas concordo e gostei da resposta que deu a Pinto da Costa, que, realmente, “quando se retirar, ou for obrigado a retirar, prestará um grande serviço ao futebol português”.

Quanto aqueles, os mesmo de sempre, que já vieram apressadamente dizer que o Sporting é melhor estar calado, porque não pode vencer este tipo de “guerras”, não lhes reconheço outra coisa do que o seu anti sportinguismo, por isso, cada vez que falam devemos fazer o contrário.

O Sporting, no futuro, vai ser grande, muito grande, por mais que isso custe a algumas pessoas.

Viva o Sporting Clube de Portugal.

  Comentários