summary_large_image
FORMAÇÃO PARA QUE TE QUERO
A verdade é que, em termos de futuro com prata da casa, as coisas estão asseguradas.
Imagem de destaque12 Jul 2020, 10:00

Na passada sexta-feira, a Nação Valente comemorou quatro anos de título de Campeão Europeu, com o adiamento do Euro para o ano que vem, a equipa de Fernando Santos será a segunda equipa com mais tempo de título de Campeão da Europa (só ultrapassada pela Espanha, com os três títulos: 2008, 2012 e 2016). Pode parecer uma comparação parva, mas aqueles 23 homens fizeram história, história essa que se pinta de verde, amarelo e vermelho. História essa que nos fará sempre ficar com a lágrima no olho quando falarmos sobre este momento, sobre este dia.

Todos sabemos o que estavámos a fazer, com quem estávamos, o que fizemos, o que dissemos antes, durante e depois do jogo. Todos sabemos de cor as caras que fizemos quando vimos o Cristiano a cair, ou quando o vimos a levantar a Taça, sabemos isso tudo, mas no meio de tantas recordações que esse dia e essa noite nos trazem, esquecemos-nos muitas vezes de salientar uma parte importante da equação: dez dos 23 homens que foram para Saint-Denis foram formados em Alcochete.

Sim, em Alcochete! Aquela Academia que cobardemente atacaram há dois anos, aquela Academia que viu nascer dois Melhores do Mundo, viu também nascer dez dos homens que envergam com orgulho na camisola da Selecção o Escudo de Campeão Europeu de Futebol.

Já vai o tempo em que a equipa das quinas era maioritariamente formada por jogadores do Sporting, atualmente temos é o mérito de formar mais de metade dos que por lá passam, e por muito que digam que a nossa formação está a anos-luz da qualidade técnica que se vê nos nossos rivais, a verdade é que os melhores saíram todos do mesmo Campo.

Agora, com as chegadas à equipa principal de jovens jogadores como o Max, o Eduardo Quaresma, o Nuno Mendes, o Jovane, o Matheus Nunes, o Joelson Fernandes, o Tiago Tomás e Pedro Mendes quase que posso sonhar com um futuro com semelhante brilhantismo.

Que me chamem romântica, que me digam que estou a ver coisas onde elas não existem, que me digam  que eu não tenho noção daquilo que falo: Não quero saber. Vi muitos destes meninos em muitos jogos nas camadas jovens do clube, sou apaixonada pela formação e é isso que me faz continuar a querer saber do futuro, seja ele com, ou sem Varandas, a verdade é que, em termos de futuro com prata da casa, as coisas estão asseguradas.

  Comentários
Mais Opinião
Mariana Cordeiro Ferreira
Imagem de destaque
CASA ONDE NÃO HÁ PÃO…
E os Sportinguistas já não têm essa paciência, os Sportinguistas estão cansados de esperar, de pensar que "para o ano é que é".
Mariana Cordeiro Ferreira
Imagem de destaque
SER OU PARECER
Neste momento e em termos Europeus, o Sporting é Grande sim, em Hóquei e em Futsal por exemplo, mas no que diz respeito ao futebol, a conversa volta novamente a ser outra.
Mariana Cordeiro Ferreira
Imagem de destaque
PARA TI, BRUNO!
Leva contigo o Esforço, a Dedicação a Devoção e a Glória que por cá aprendeste, porque aí, a história de quem vai vestido de verde e branco, é feita de títulos e tu mereces ganhá-los.
Mariana Cordeiro Ferreira
Imagem de destaque
#DIADESPORTING
É altura de colocar o cachecol, vestir a camisola e preparar a voz... porque o amor chama e a este nunca viraremos as costas.
Mariana Cordeiro Ferreira
Imagem de destaque
ESTE AMOR QUE NOS CONSOME
É o amor que me faz ter um 1906 tatuado, é o amor que me deixa com a lágrima no olho cada vez que vejo uma criança com o símbolo do leão rampante ao peito.
Mariana Cordeiro Ferreira
Imagem de destaque
OBRIGADA MÃE POR ME TERES FEITO DO SPORTING
Hoje, vou levá-la à bola outra vez e já vou conseguir vê-la a cantar O Mundo Sabe Que com o cachecol ao alto e é aí que a emoção vai falar mais alto outra vez, porque se é amor, a ela o devo.
Mariana Cordeiro Ferreira
Imagem de destaque
EXISTEM DIAS
Seria tão fácil dizer que para mim já chega, que estou cansada, que vou deixar de pagar quotas, mas a palavra fácil nunca esteve presente no nosso dicionário.