summary_large_image
LUTA ATÉ AO FIM
Teremos que fazer aquilo que melhor sabemos: entrar em campo motivados e a dar pouco espaço ao Moreirense.
04 Abr 2021, 13:50

O FC Porto venceu ontem o Santa Clara por 2-1, num jogo que, a segundos do final, parecia estar decidido. Toni Martinez trocou as voltas ao resultado – e aos Sportinguistas -, logrando o tento dos nossos rivais mesmo no final da partida. Esta é uma prova inequívoca de que a nossa distância para os rivais, por muito larga que seja, deve ser sempre encarada com a máxima seriedade. Já decidimos alguns jogos no seu final esta época e sabemos bem o quanto este tipo de desfechos galvanizam toda a equipa.

Este campeonato terá luta até ao fim, pelo que não podemos perder o foco nem a concentração. Sabemos que o grupo está unido e que, no banco, temos várias soluções que nos podem ajudar quando algum dos titulares está menos inspirado. Ademais, temos a vontade inabalável, de um grupo de jovens talentos, liderados por um conjunto de jogadores mais séniores, que querem muito o campeonato nacional. É essencial manter esse espírito e cuidar bem do nosso jardim, motivando e blindando o plantel a todas as notícias externas. Estamos em Abril, falta pouco para o final do campeonato e, por isso mesmo, começam já a surgir algumas notícias sobre contratações e saídas no nosso plantel. No caso de Nuno Mendes – jovem craque que não ficará, de facto, por muito mais tempo em Alvalade -, é essencial fazer uma excelente gestão psicológica do mesmo para que não perca o foco daquilo que é, neste momento, essencial: o Sporting Clube de Portugal.

A deslocação de amanhã, a Moreira de Cónegos, não será fácil. Iremos encontrar uma equipa classificada a meio da tabela, que tem demonstrado alguma consistência ao longo da época e que, logicamente, pretende dificultar a vida do seu adversário. O Sporting CP, fruto de tudo aquilo que tem feito esta época, é muito “apetecível” para os seus adversários, uma vez que todos quererão ficar com o mérito de ser a primeira equipa a quebrar-nos. Teremos que fazer aquilo que melhor sabemos: entrar em campo motivados e a dar pouco espaço ao Moreirense. Assumir o controlo da partida e tentar marcar o mais cedo possível, para conseguir gerir o jogo da melhor forma. Só a vitória interessa.

Entretanto, e à medida que nos aproximamos do fim, ocoração do Sportinguista, esse, há de sofrer cada vez mais. Estamos perto, muito perto.

  Comentários
Mais Opinião