summary_large_image
TEMPO DE UNIÃO!
“Porque é aos sportinguistas que me dirijo, mais directamente, peço-vos que, este período, que nos convoca para um desafio global, sirva como catalisador para nos unirmos…”
Imagem de destaque26 Mar 2020, 17:00

Caras amigas e amigos sportinguista,
Confesso que, com a actual situação social e de saúde publica, em que um terrível e devastador inimigo invisível, tomou conta da vida de todos nós, fazendo depender a vida de cada um, do comportamento do outro, não me sinto nada motivado para falar de desporto e do nosso Sporting!

Mas, sinto-mo impelido a pedir aos sócios, adeptos e simpatizantes, que enfrentem, este inimigo comum, com coragem e cumprindo, escrupulosamente, todas as determinações emanadas pelas entidades competentes. Só assim poderemos fazer parte da solução, que debelará esta pandemia, e colocar a salvo: a nossa vida; a dos nossos familiares; a dos nossos irmão portugueses, onde quer que estejam e da nossa enorme família sportinguista! Este é um desafio para o qual TODOS estamos convocados e que eu acredito que iremos ganhar!

Porque é aos sportinguistas que me dirijo, mais directamente, peço-vos que, este período, que nos convoca para um desafio global, sirva como catalisador para nos unirmos, para reflectirmos, para prepararmos ideias e formas de união, que, ultrapassado este momento difícil, possamos recolocar, o nosso Sporting, na senda do êxito, compaginado, o seu futuro, com um passado glorioso que tanto nos orgulha!

Na impossibilidade de o ter feito, na data do seu aniversário – 19 de Março – hoje, invoco o nome de Hilário Rosário da Conceição, este fantástico sportinguista, esta nossa imensa glória, e do desporto nacional e internacional, para nós inspirarmos na forma determinada, resiliente e abnegada com que envergou a camisola do nosso Sporting e contribuiu para a sua história gloriosa. Obrigado caro Hilário, muitos parabéns e que esta data se repita por largos anos e com imensa saúde!
Estendo o meu agradecimento, e envio um enorme abraço, a todos aqueles que, pelo seu desempenho, dedicação e lealdade ao Sporting, tornaram-se referências do nosso clube e do desporto em geral. É neles, e nos seus percursos vitoriosos, que devemos procurar força para continuarmos a saber defender o nosso clube. Também, não podem ficar esquecidos, os grandes dirigentes que souberam projectar o Sporting, até aos dias de hoje com honra e gloria.

A todos muito bem-haja. Protejam-se, deste inimigo invisível e ajudemo-nos, uns aos outros, a encontramos formas de nos unir.
Força amigos. Este inimigo não nos vencerá! Juntos, seremos mais fortes!

Saudações leoninas!

  Comentários
Mais Opinião
Joaquim Coutinho Duarte
Imagem de destaque
SÓ COESOS E ORGANIZADOS VAMOS VENCER
Seremos capazes e temos liderança para o efeito? Fica a questão…
Joaquim Coutinho Duarte
Imagem de destaque
SILÊNCIO QUE BRANQUEIA
Senhor Presidente da Assembleia Geral, chegou a hora de demonstrar que honra o lugar que lhe foi confiado, e que é merecedor de tal prestígio!
Joaquim Coutinho Duarte
Imagem de destaque
SOMOS UM CLUBE ARRASADO PSICOLOGICAMENTE
Só nos resta suplicar: SALVEM-NOS! Que nós, por nós mesmos, estamos incapazes!
Joaquim Coutinho Duarte
Imagem de destaque
TRABALHO, ORGANIZAÇÃO (PLANO DE ACÇÃO) E DISCIPLINA
Todos devem dar o seu melhor para resolver esta divisão que existe. Não podemos continuar de costas voltadas, uns para os outros, fazendo “um favor” aos nossos adversários.
Joaquim Coutinho Duarte
Imagem de destaque
DESAFIO!
Lanço o desafio a todos os anteriores candidatos, e aos que se venham a apresentar numas próximas eleições, que nos sentemos à mesma mesa, para pensarmos o Sporting de hoje e de amanhã!
Joaquim Coutinho Duarte
Imagem de destaque
NÃO PODE VALER TUDO
Se já vendemos os melhores, quase todos, e não investimos em quem possa vir a substituí-los, como iremos sobreviver desportivamente e financeiramente?
Joaquim Coutinho Duarte
Imagem de destaque
CRIANDO PONTES
Em democracia governa-se ganhando eleições. E, democraticamente, critica-se quem “governa”, como forma de lembrar as promessas feitas eleitoralmente. Os mandatos são para se cumprir, mas, as promessas
Joaquim Coutinho Duarte
Imagem de destaque
“CRIAR PONTES”, JÁ EM ANDAMENTO
Os problemas são de uma evidência gritante, que nenhuma técnica de comunicação, por mais sofisticada que seja, consegue branquear!