DA TERCEIRA DIVISÃO ITALIANA PARA A TITULARIDADE NO REINO DO LEÃO
Jogo com o Wolverhampton foi teste de fogo para dúvida que se instalou em Alvalade
Diogo Nóbrega
Texto
31 de Julho 2022, 12:23
summary_large_image

Com a lesão no joelho direito de Antonio Adán, que valerá ao guardião espanhol cerca de dois meses de paragem (Saiba mais AQUI), as atenções viraram-se para Franco Israel no jogo de ontem, dia 30 de julho, diante do Wolverhampton. O guardião uruguaio, de 22 anos, deverá ser o titular nos primeiros jogos oficiais do Clube de Alvalade e teve uma exibição sólida no encontro que terminou com um empate a uma bola.

O guardião, que atuava na terceira divisão italiana ao serviço da equipa sub-23 da Juventus, mereceu um voto de confiança de Rúben Amorim e não comprometeu. Franco Israel atuou os 90 minutos e a partida decorreu sem grandes sobressaltos, naquele que foi um teste de fogo ao guardião sul-americano.

Sofreu um golo de grande penalidade, no qual não tinha qualquer hipótese de defesa, mas teve um jogo relativamente tranquilo. A comunicação com os companheiros de equipa foi uma constante durante todo o encontro, ele que demonstrou serenidade na baliza verde e branca.

Ao minuto 19, Israel teve uma boa saída intervenção ao sair aos pés de Morgan Gibbs-White, e aos 56’, quando se antecipou e agarrou um cruzamento rasteiro de Pedro Neto para o segundo poste. O jovem guarda-redes demonstrou apenas alguma fragilidade com os passes mais longos, onde terá, com certeza, margem e tempo para melhorar.

No mais recente inquérito realizado pelo Leonino na rede social Twitter, os Sportinguistas revelaram não ser necessário ir ao mercado procurar um substituto para Adán e que a baliza está em boas mãos. (Veja aqui os resultados).

 

NOTÍCIAS RELACIONADAS:

Queres receber diariamente todas as notícias sobre Sporting no teu email? Transferências, jogos, opinião, golos e muito mais. Inscreve-te já, sem qualquer custo, na caixa em baixo ↓

  Comentários
Subscreva a newsletter Leonino
Email