“TÓXICO”: PINTO DA COSTA RESPONDE À LETRA A VARANDAS: EX LÍDER DO PORTO ACUSA PRESIDENTE DO SPORTING
Antigo dirigente dos azuis e brancos falou ainda de "incendiários" no futebol português
Redação Leonino
Texto
24 de Maio 2024, 13:24
Frederico Varandas, Pinto da Costa, Sporting, Porto

Pinto da Costa respondeu à letra a Frederico Varandas. Na antevisão da final da Taça de Portugal, entre Sporting e Porto (agendada para as 17h15 do próximo domingo), o ex líder dos dragões acusou o Presidente verde e branco de ser “tóxico” e “incendiário”.

“Para o Porto é um jogo para ganhar, porque este clube alimenta-se de vitórias e de títulos. À custa desse espírito forjado nas últimas décadas temos hoje o melhor palmarés de Portugal, um estatuto que ambicionamos manter e consolidar”, começou por dizer, em declarações aos meios de comunicação da Federação Portuguesa de Futebol.

“Para que isso aconteça encaramos sempre os adversários com respeito, pois sabemos que têm valor e ambições legítimas. Procuramos derrotá-los, não rebentá-los, até porque não recorremos a discurso de ódio, que só incendeia o ambiente já tóxico do futebol português”, atirou, deixando uma farpa a Frederico Varandas.

“Com todo o respeito pelo Sporting, tenho a expectativa de que o Porto vai lutar até ao limite das suas forças para vencer a Taça de Portugal pela terceira época consecutiva. Não há nada que deseje mais do que continuar a ver os portistas felizes”, terminou.

Em causa estão as declarações do Presidente do Sporting, num jantar privado da equipa, que foram divulgadas através de um vídeo gravado pela filha de um dos parceiros do Clube de Alvalade. “Ainda temos mais um jogo para chegar aos 90! 90 pontos, míster (Rúben Amorim)! Temos também uma final, não para apenas para ganhar, mas para rebentar com eles (Porto). Uma final onde vamos poder fazer o que não se faz há mais de 20 anos, a nossa dobradinha”, disse Varandas.

  Comentários