ANTIGO TREINADOR DO REAL MADRID FALA SOBRE CRISTIANO RONALDO E APONTA SUCESSORES DO EX SPORTING: "TÊM TUDO"
Técnico que orientou os merengues durante 50 partidas falou sobre o craque formado nos verdes e brancos
Redação Leonino
Texto
24 de Janeiro 2024, 12:35
Cristiano Ronaldo, Al Nassr

Fabio Capello, antigo treinador do Real Madrid, concedeu uma extensa entrevista ao jornal espanhol Marca, onde, entre muitos temas, falou de Cristiano Ronaldo, ex-avançado dos merengues formado no Sporting , e sobre a longevidade que a sua carreira poderá vir a ter.

“Depende de onde estás a jogar. Sabes que Cristiano Ronaldo é uma máquina. Os golos são o seu combustível. Esse é o seu mérito, que continua com o passar dos anos”, começou por dizer o ex-técnico do emblema de Madrid, revelando os nomes que irão ser os sucessores de Cristiano Ronaldo e Messi.

“Para mim, os dois futebolistas que vão lutar como Messi e Cristiano lutaram são Mbappé e Bellingham. Os dois têm mais qualidade técnica do que Haaland. O norueguês é um grande avançado, um animal e é também um goleador. Mas Mbappe e Bellingham têm tudo: golos, qualidade técnica, drible. Haaland é um jogador de área, o melhor como avançado puro, como número 9”, atirou.

camisola 7 do emblema de Riade, que nunca escondeu o carinho pelo Sporting, venceu o Prémio Maradona depois de se ter tornado no melhor marcador mundial, superando a concorrência direta de Harry Kane (Bayern de Munique), Erling Haaland (Manchester City) e Kylian Mbappé (PSG).

“São troféus especiais que vão para o meu museu. Estou muito orgulhoso, foi uma época maravilhosa. Agradecer aos meus colegas de equipa, aos meus treinadores, ao Al Nassr e à seleção portuguesa. Prémio Maradona vai colocar paixão no meu museu, foi um dos jogadores especiais”, disse à margem da gala do Globe Soccer Awards.

Em 2023/24, Cristiano Ronaldo continua em grande plano. Na presente temporada, o internacional português segue imparável e soma, até agora, 31 jogos, com 30 golos marcados e 11 assistências na sua conta pessoal, ao serviço do Al-Nassr.

  Comentários