RIVAL DE CRISTIANO RONALDO NA ARÁBIA SAUDITA TERÁ DE FAZER LIMPEZA À EQUIPA, MAS PORTUGUÊS CONTINUA
Clube que joga na mesma liga que o craque formado no Sporting terá de fazer algumas alterações no plantel
Redação Leonino
Texto
21 de Maio 2024, 17:38
Cristiano Ronaldo, Al Nassr, Al Wehda, Sporting, Estoril

O Al-Ittihad, clube saudita que tem na mira dois antigos treinadores de Cristiano Ronaldo para fazer frente ao Al Nassr do craque português formado no Sporting, anunciou a despedida de dois jogadores. Em causa está a quota máxima de jogadores estrangeiros que o emblema de Jeddah pode ter no plantel – oito.

Romarinho e Marcelo Grohe são dois futebolistas que tiveram peso na história do Al-Ittihad e veem agora a sua saída forçada devido ao limite máximo de estrangeiros que a equipa pode ter. Mesmo assim, contam-se ainda, de entre os pupilos de Marcelo Gallardo, dez atletas estrangeiros, mais que o permitido.

Por seu turno, Jota –português que integra a equipa saudita desde o início da época – parece, por enquanto, ter lugar assegurado em Jeddah, sendo que continuará aparentemente no clube em 2024/25. O avançado tem tido altos e baixos ao longo do seu percurso pelos rivais do Al Nassr de Ronaldo, mas disputou já um total de 1538 minutos no emblema.

Na presente temporada, o craque formado no Sporting que joga na liga do Al-Ittihad, Cristiano Ronaldo – avaliado em 15 milhões de euros – continua imparável e soma, até à data, 47 jogos ao serviço do Al Nassr. Ao longo dos 4.193 minutos que alinhou dentro de campo pelo emblema saudita, marcou 48 golos e assistiu por 12 diferentes ocasiões.

Com a Listada verde e branca, o internacional português fez 31 jogos na equipa principal, tendo apontado cinco golos e três assistências. No entanto, encheu as medidas de Sir Alex Ferguson, que o levou para Manchester, onde se tornou um dos jogadores mais irreverentes da história, com dribles desconcertantes e muito poder de explosão.

  Comentários