SPORTING E MANCHESTER UNITED? GONÇALO INÁCIO PODE SER MAIS UM CAPÍTULO DE UM ROMANCE ANTIGO
Leões e red devils têm feito vários negócios ao longo dos últimos anos e tudo começou com Cristiano Ronaldo
Redação Leonino
Texto
5 de Junho 2024, 16:09
Francisco Conceição, Gonçalo Inácio, Porto, Sporting, Rúben Amorim, Manchester United,

A eventual saída de Gonçalo Inácio do Sporting para rumar ao Manchester United, a troco de 60 milhões de euros, será o último capítulo de uma história ‘de amor’ entre os dois clubes, que começou em 2003, com Cristiano Ronaldo, e que tinha como último episódio Bruno Fernandes, em 2020.

Cristiano Ronaldo (15 milhões, 2003); Nani (25,5 milhões, em 2007); Marcos Rojo (20 milhões, 2014) e Bruno Fernandes (65 milhões, 2020). Sem incluir Gonçalo Inácio, o Manchester United já deixou nos cofres verdes e brancos cerca de 125 milhões de euros. A confirmar-se a venda do defesa-central, os red devils terão pagado ao Sporting mais de 185 milhões.

De acordo com as últimas informações, apesar de chegar aos tais 60 milhões de euros por Gonçalo Inácio, o Manchester United estará a tentar negociar os prazos de pagamento, algo que não será do agrado de Frederico Varandas, mas que também não será suficiente para fazer cair o negócio.

Em 2023/24, ao serviço do Sporting, Gonçalo Inácio – avaliado em 40 milhões de euros – realizou 49 encontros: 32 na Liga Portugal Betclic, nove na Liga Europa, cinco na Taça de Portugal e três na Taça da Liga. Ao todo, nos 3.733 minutos que disputou, o central marcou quatro golos (dois ao Sturm Graz, um ao Vitória de Guimarães e outro ao Young Boys).

Com a Listada verde e branca, Gonçalo Inácio contabiliza 171 partidas, 15 finalizações certeiras, oito assistências e cinco títulos conquistados: dois Campeonatos Nacionais (2020/21 e 2023/24), duas Taças da Liga (2020/21 e 2021/22) e uma Supertaça Cândido de Oliveira. O internacional português tem contrato até junho de 2027 e uma cláusula de rescisão de 60 milhões de euros.

  Comentários