VIKTOR GYOKERES, AVANÇADO DO SPORTING, METEU JOGADORES DE BENFICA E PORTO A 'COMER PÓ' E GARANTE: "É UM SENTIMENTO MUITO BOM"
Ponta de lança sueco é o principal destaque no futebol nacional, com 26 golos e 10 assistências, em 28 jogos
Redação Leonino
Texto
9 de Fevereiro 2024, 20:35
Viktor Gyokeres, Sporting, Casa Pia

Viktor Gyokeres recebeu, esta sexta-feira, dia 9 de fevereiro, os prémios de melhor avançado e melhor jogador de dezembro da Liga Portugal Betclic. Com mais um mês fantástico – iguais a todos os que passaram desde que assinou com o Sporting – o sueco mostrou-se feliz, destacando o coletivo.

“É um sentimento muito bom, obviamente. Mostra que temos estado muito bem como equipa e espero que assim continuemos”, garantiu o ‘camisola 9’ de Rúben Amorim, em declarações aos meios de comunicação do organismo que gere o campeonato nacional.

As boas exibições ‘atiram’ o ponta de lança para fora do Sporting, mas certo é que os responsáveis leoninos não estão interessados em deixar sair o futebolista internacional pela Suécia por valores inferiores aos que ficaram definidos aquando da sua contratação ao Coventry, mas a classificação final da temporada pode não jogar a favor de Frederico Varandas.

Caso os leões, num cenário hipotético, falhem o acesso à Liga dos Campeões, o ‘camisola 9’ de Rúben Amorim poderá – apesar do interesse dos leões em mantê-lo por mais um ano – ter de deixar Alvalade num negócio que não chegue aos números estipulados no contrato.

A confiança depositada em Viktor Gyokeres foi retribuída da melhor forma: dentro de campo. O sueco tem sido um verdadeiro ‘tanque’, mostrando que o investimento feito por Frederico Varandas vai ficar na memória dos adeptos durante vários anos.

Esta temporada, Viktor Gyokeres – avaliado em 45 milhões de euros – tem sido a grande figura do Sporting. Nos 28 encontros (cerca de 2.270 minutos) que disputou, até ao momento, com a Listada verde e branca, o avançado sueco marcou 26 golos e fez 10 assistências, sendo o principal alento ofensivo da turma leonina.

Confira:

  Comentários