ADVOGADO DE JORGE JESUS APONTA DEDO A FREDERICO VARANDAS: "DESDE QUE É PRESIDENTE DO SPORTING..."
Luís Miguel Henrique crê que líder máximo do Clube de Alvalade tem culpas no cartório por situação menos bonita
Redação Leonino
Texto
23 de Dezembro 2023, 10:45

O Sporting venceu o Porto, por 2-0, na última jornada da Liga Portugal Betclic. Além do espetáculo dos leões, a partida ficou marcada por mais uma agressão de Pepe – que abriu a boca a Matheus Reis – e queixas de Sérgio Conceição na conferência de imprensa, depois de se ter pegado com Hugo Viana.

“Desde há algum tempo e que Varandas é Presidente se percebe que os jogos entre Sporting e Porto, dentro e fora de campo, tornaram-se uma batalha campal”, começou por dizer Luís Miguel Henrique, advogado de Jorge Jesus, na CMTV.

“Muito pela mística do Porto, de quando se joga no Dragão eles são duros e mandam e tal, e sente-se, claramente, que Varandas, fora de campo, e tem passado a toda a equipa, quer lutar, quer olhar olhos nos olhos, quer jogar da mesma forma e com as mesmas armas”, atirou.

“Quer disputar tudo. Estas reações não vêm só deste jogo. Há um histórico que vem de trás e que se vai manter, porque toda esta beligerância que é mantida entre Varandas e Pinto da Costa, Hugo Viana e Conceição e agora também dentro de campo, tem passado de jogo para jogo”, terminou.

Certo é que, o denominador inicial das confusões é, por norma, um membro da comitiva azul e branca, seja dentro ou fora de campo. Desta feita, nova agressão de Pepe começou por aquecer os ânimos do Clássico, tendo deixado o banco do Porto furioso, como é habitual.

Imagem de destaque
  Comentários