ADVOGADO DE JORGE JESUS DIZ QUE SPORTING VAI PERDER TRÊS TITULARES NO PRÓXIMO VERÃO: "ENTRE OUTRAS ALTERNATIVAS"
Luís Miguel Henrique defende que leões são os grandes favoritos à conquista da Liga Portugal Betclic
Redação Leonino
Texto
14 de Fevereiro 2024, 09:35
Jorge Jesus, Sporting

Luís Miguel Henrique, advogado de Jorge Jesus, considera inevitável que o Sporting venda alguns dos titulares da turma de Rúben Amorim e aponta Viktor Gyokeres, Gonçalo Inácio ou Marcus Edwards como os mais prováveis. Num artigo de opinião no jornal ‘Record’, o comentador defende que a turma de Alvalade está num bom caminho e é a grande favorita à conquista da Liga Portugal Betclic.

“Tudo aponta para que o mercado do próximo Verão verde e branco, com as potenciais transferências de Gyökeres, Gonçalo Inácio, Marcus Edwards, (entre outras alternativas) seja absolutamente avassalador, pelo que não será impetuoso afirmar que a Sporting SAD ‘arrisca-se’ a encaixar mais de 150 milhões de euros neste defeso, elevando a receita destas duas rubricas do seu balanço para ganhos estratosféricos, muito acima do que aquilo que tem sido a história recente das suas finanças”, atira o advogado de Jorge Jesus.

“O Sporting é, ao dia de hoje, não só o principal candidato ao título de campeão nacional da Liga Betclic 2023/24, como também a equipa que pratica melhor futebol dentro do terreno de jogo e ainda aquela que, do ponto de vista da organização articulada da sua gestão, melhor trabalha fora de terreno entre administração, direção desportiva, scouting e equipa técnica”, considera Luís Miguel Henrique.

“Nem sempre foi assim em Alvalade, pois basta recordar o ‘verão quente’ de 2022 com a rábula da transferência de Matheus Nunes para o Wolverhampton, após as juras públicas em sentido contrário por parte de Rúben Amorim. Contudo, dessas ondas sísmicas que abalaram os seus alicerces, o Sporting de Frederico Varandas e Hugo Viana conseguiu oferecer ao seu treinador no mercado seguinte de 2023 as contratações cirúrgicas que este exigiu e com isso criar uma equipa de futebol atrativo, competitivo e de alta eficácia”, atira o advogado.

“A confirmarem-se estes cenários, Rúben Amorim poderá, pela primeira vez desde que está em Alvalade, competir com o treinador do Benfica com as mesmas armas na preparação da época seguinte”, finaliza Luís Miguel Henrique.

Confira aqui este grande momento de Gyokeres:

  Comentários