DEFESA DO SPORTING AGREDIDO NO ÚLTIMO CLÁSSICO COM O PORTO PODE SALTAR PARA A TITULARIDADE
Jogador tem estado lesionado, mas pode ser opção para Rúben Amorim no onze inicial, no Dragão
Redação Leonino
Texto
25 de Abril 2024, 09:56
Rúben Amorim, Sporting, Porto, Liverpool, Taça de Portugal

Matheus Reis está muito perto de regressar aos convocados do Sporting e pode mesmo ser titular na visita o terreno do Porto no próximo domingo, dia 28 de abril, pelas 20h30. Num jogo que pode consagrar os verdes e brancos como campeões nacionais – em caso de vitória e derrota do Benfica diante do Braga.

O jogador não é opção desde que se lesionou durante o treino antes da deslocação a Barcelos, para enfrentar o Gil Vicente. Agora, o ‘camisola 2’ do Sporting será reavaliado no regresso do plantel aos treinos esta quinta-feira, depois de dois dias de folga concedidos pelo técnico, garante o jornal Record.

De recordar que no último confronto entre Sporting e Porto (2-0), Matheus Reis foi agredido por Pepe. Corria o minuto 50, quando o defesa azul e branco foi expulso com um cartão vermelho direto após agredir o central do Sporting, que ficou a sangrar do lábio após ter sido atingido pelo capitão dos dragões. Nuno Almeida foi rever o lance no VAR e decidiu-se pela expulsão do defesa de 41 anos.

Esta temporada, Matheus Reis – avaliado em 8 milhões de euros – leva 44 encontros disputados: 25 no Campeonato Nacional, 10 na Liga Europa, seis na Taça de Portugal e três na Taça da Liga. Nos 2.717 minutos em que esteve dentro das quatro linhas, o brasileiro fez cinco assistências para golo.

Ao todo, desde que chegou ao Sporting oriundo do Rio Ave, em janeiro de 2021, Matheus Reis realizou 154 partidas, marcou três golos, fez sete assistências e conquistou três títulos: um Campeonato Nacional, uma Supertaça Cândido de Oliveira e uma Taça da Liga. O ala tem contrato com o Clube de Alvalade até junho de 2026 e uma cláusula de rescisão de 45 milhões de euros.

  Comentários