ESPADINHA: "OH FREDERICO! ´POR QUÉ NO TE CALLAS´?"
Conhecido Sportinguista não quer Presidente Leonino a “borrar a pintura”, mas sim que se mantenha no "bom caminho, limpando a sujidade moral, o descalabro, o prejuízo que herdou"
Duarte Pereira da Silva
Texto
20 de Outubro 2020, 17:21
summary_large_image

Vítor Espadinha quer que Frederico Varandas fique calado: “Oh Frederico! ´Por qué no te calas´”. Na habitual crónica semanal no Jornal de Notícias, o conhecido Sportinguista disse não querer o Presidente do Sporting CP a “borrar a pintura”, mas sim que se mantenha no “bom caminho, limpando a sujidade moral, o descalabro, o prejuízo que herdou”.

Vítor Espadinha questionou-se também “porque é que o Presidente do Sporting CP teima em incendiar o que já está em chamas? Ainda por cima, com a habitual dificuldade na fala?”, aconselhando Varandas que “deixe os discursos para o treinador! E para quem saiba falar!”.

Contrariamente às palavras dirigidas a Frederico Varandas, Espadinha deixou alguns elogios ao treinador Leonino: “E lá vem o Rúben Amorim limpar o canal (…) Um grande treinador e um senhor!”.

Sobre a polémica arbitragem no clássico, o Sportinguista foi perentório: “Claro que é penalty a disputa de bola entre Pedro Gonçalves e Zaidu, ainda por cima com a prova das novas fotos publicadas na imprensa”.

Por fim, abordando a entrevista da Luís Filipe Vieira à RTP3, Vítor Espadinha afirmou que a mesma “foi um verdadeiro ´conto de fadas´”, acrescentando, em tom irónico, que o Presidente encarnado “é inocente no Lex, nos emails, no ´saco azul´, no Novo Banco! A mim, pelo menos, ele deve-me uns euritos do dinheiro que o Estado me sacou para repor o que ele de lá tirou e não pagou!”.

  Comentários