"GIGANTE DESAFIO PARA QUEM NÃO É BICAMPEÃO HÁ 70 ANOS": SÉRGIO KRITHINAS AVISA SPORTING
Diretor executivo do Record fala em "tarefa difícil", com Varandas e Hugo Viana ao barulho
Redação Leonino
Texto
9 de Maio 2024, 07:35
Sérgio Krithinas, Record, Sporting, Rúben Amorim

Sérgio Krithinas acredita que o Sporting pode ter dificuldades em conquistar o campeonato na próxima temporada. O diretor executivo do Record relembra a última vez que o Clube de Alvalade atingiu tal feito, mas admite que, com os jogadores chave do plantel, os leões estão mais perto de o conseguir.

“Campeão com folga suficiente para poder festejar, curar a ressaca e preparar calmamente a final da Taça de Portugal, o Sporting parece também ter pressa em preparar a época seguinte. Vencer depois de vencer é uma tarefa difícil e um gigante desafio para um clube que não é bicampeão há 70 anos”, começou por dizer, no diário desportivo.

“Se tudo correr como planeado por Varandas, Viana e Amorim, Gyökeres, Hjulmand, Pote e outros elementos-chave vão a continuar em Alvalade, sendo os encaixes financeiros feitos com futebolistas não tão decisivos no onze habitua”, atirou, explicando que, com estes intervenientes, o objetivo torna-se mais fácil.

“No papel, teremos um leão ainda mais forte em 2024/25, com mais opções que lhe permitam enfrentar os oito jogos já assegurados na próxima Champions com mais folga, e com a casa arrumada bem cedo”, admitiu Sérgio Krithinas, em tom de conclusão.

Certo é que a intenção da Direção do Sporting é não vender qualquer dos ativos importantes. Embora Ousmane Diomande deva sair para a chegada de Zeno Debast, não são esperadas mais mudanças, sendo que Viktor Gyokeres pode ficar em Alvalade (saiba mais AQUI) e há um plano em marcha para juntar outro ponta de lança ao goleador sueco e assim aumentar o nível ofensivo da turma de Rúben Amorim na próxima época (saiba mais AQUI).

  Comentários