LEÕES MOSTRAM-SE DISPONÍVEIS PARA TERMINAR CAMPEONATO
Em comunicado, Sporting CP revelou ainda preocupações quanto aos jogos nas ilhas
Duarte Pereira da Silva
Texto
5 de Abril 2020, 12:32
summary_large_image

O Sporting CP, em comunicado publicado no site do Clube, mostrou-se disponível “para que o Campeonato Placard Andebol 1 termine caso a saúde pública esteja salvaguardada”. Contudo, os leões lembram que “não se devem tomar decisões definitivas enquanto existam datas disponíveis para terminar a competição”.

Os responsáveis verdes e brancos afirmam, ainda, que têm “estado sempre disponíveis para conversar com clubes e federações sobre soluções conjuntas para um problema comum” e foi precisamente nesse sentido que marcaram presença na reunião, por videoconferência, que se realizou na passada quarta-feira, 1 de abril.

No entanto, o Sporting CP defende que “apesar da convicção que a melhor solução para o Andebol Nacional é terminar as competições quando for possível, estamos também apreensivos com alguns problemas, como por exemplo as dificuldades dos jogos nas ilhas, assim como a longa paragem que os clubes já enfrentam”.

Por fim, o Clube reafirma que “continua fortemente empenhado em colaborar com a Federação Portuguesa de Andebol para encontrar as melhores soluções para a recuperação do Andebol Nacional”.

Recorde-se que, no passada sábado, 4 de abril, o diário desportivo O Jogo avançou que os 14 clubes da primeira divisão tinham chegado a acordo quanto ao futuro do Campeonato Placard Andebol 1 (LER AQUI).

Confira o comunicado na íntegra:

O Sporting Clube de Portugal esclarece que se mostra disponível para que o Campeonato Placard Andebol 1 termine caso a saúde pública esteja salvaguardada e acredita que não se devem tomar decisões definitivas enquanto existam datas disponíveis para terminar a competição. Esta tem sido a posição do Clube em todos os campeonatos das modalidades de pavilhão.

Desde o início da actual pandemia de COVID-19 que o Sporting CP tem estado sempre disponível para conversar com clubes e federações sobre soluções conjuntas para um problema comum. Foi isso que, mais uma vez, tentou fazer para na passada quarta-feira, numa reunião efectuada por videoconferência com representantes dos 14 clubes do Campeonato Placard Andebol, para analisar as repercussões que a situação presente causou no desporto e em especial, no andebol.

Apesar da convicção que a melhor solução para o Andebol Nacional é terminar as competições quando for possível, estamos também apreensivos com alguns problemas, como por exemplo as dificuldades dos jogos nas ilhas, assim como a longa paragem que os clubes já enfrentam.

O Sporting Clube de Portugal continua fortemente empenhado em colaborar com a Federação Portuguesa de Andebol para encontrar as melhores soluções para a recuperação do Andebol Nacional.

  Comentários