LUIZ FELIPE SCOLARI RECORDA RECUSA DE CRISTIANO RONALDO EM IR AO FUNERAL DO PAI: "NÃO VOU LÁ FAZER NADA"
Ex Selecionador Nacional relembrou momento trágico para o avançado formado no Sporting
Redação Leonino
Texto
15 de Janeiro 2024, 14:38
Luiz Felipe Scolari, Cristiano Ronaldo

Luiz Felipe Scolari orientou Cristiano Ronaldo na Seleção Nacional entre 2003 e 2008. Em entrevista à Globo, o atual técnico do Atlético Mineiro fala do momento em que conheceu o avançado formado no Sporting e recordou o momento da morte do pai do jogador.

“Ele estava connosco na Rússia, para um jogo de qualificação para o Mundial. Naturalmente, chorou bastante e eu também devo ter chorado, claro, porque tem um sentimento ali. Conversámos bastante e eu disse: ‘Agora, Cristiano, arrumas as tuas coisas e vais ao funeral do teu pai'”, contou Felipão.

“Ele disse: ‘Não, professor! O meu pai já faleceu, eu não vou lá fazer nada. Vou ficar e vou jogar! Vou fazer isso e quando o jogo terminar, vou embora’. Foi isso que combinámos. Jogámos, empatámos e ele jogou muito bem”, explicou Scolari, recordando o momento em que conheceu CR7.

“O Murtosa foi assistir, por alguma razão, um jogo dos juniores do Sporting e voltou boquiaberto: ‘Felipe, há lá um cavalo, um jogador que é espetacular, que é isto e aquilo. ‘Quem, Murtosa?’, ‘O Cristiano Ronaldo, tem 17 anos'”, lembrou.

Mais de 20 anos depois, Cristiano Ronaldo continua em grande plano em 2023/24. Na presente temporada, o internacional português continua imparável e soma, até agora, 31 jogos, com 30 golos marcados e 11 assistências na sua conta pessoal.

  Comentários