PROVIDÊNCIA CAUTELAR CONTRA AG DEVE BATER NA BARRA
Juristas ouvidos pelo Leonino não acreditam no sucesso da ação que tenta impedir realização da AG. Para já, movimento "Sporting dos Sócios" em silêncio
Duarte Pereira da Silva
Texto
22 de Setembro 2020, 16:10
summary_large_image

A providência cautelar, alegadamente, colocada por um grupo de Associados (“Sporting dos Sócios”) com o objetivo de impedir a realização da próxima Assembleia Geral (AG) do Clube deve bater na barra. A disponibilização dos documentos online – Relatório e Contas 2019/20 e Orçamento para 2020/21 –, bem como a possibilidade de colocar perguntas, jogam a favor da Direção liderada por Frederico Varandas.

Pouca probabilidade de sucesso

“Não me parece que, caso se avance com a providência cautelar, ela venha a ter sucesso. A possibilidade de consultar os documentos online e também a opção de colocar perguntas, reduzem, e muito, as probabilidades de sucesso desta ação”, referiu um jurista ao Leonino, que preferiu não se identificar.

O mesmo jurista referiu que “apesar de estar previsto nos Estatutos do Clube que uma AG tem de ter discussão e, posteriormente, votação” também é verdade que a “situação pandémica que vivemos deve ser tida em conta”.

Outro jurista também duvida da probabilidade de sucesso da ação: “A atual nova normalidade tem de ser tida em conta e obriga a algumas alterações na realização desta e de outras AG ou outro tipo de reuniões ou eventos”.

Movimento “Sporting dos Sócios” em silêncio

O Leonino contactou fonte próxima do movimento “Sporting dos Sócios”. No entanto, para já, o movimento preferiu não prestar quaisquer declarações.

O movimento “Sporting dos Sócios” encontra-se a recolher donativos para a alegada providência cautelar. Caso queira contribuir, pode fazer o seu donativo para PT50 0010 0000 5715 3520 0028 3.  Para “envio de comprovativo e mais informações”, o movimento informa que pode enviar um email para sportingdossocios@hotmail.com .

A AG do Clube realiza-se no próximo sábado, 26 de setembro.

  Comentários