REVELADA EXIGÊNCIA DE CRISTIANO RONALDO NO UNITED: RALF RANGNICK DISSE 'NÃO' E OUVIU DAS BOAS
Craque português formado no Sporting deixou críticas a interino que passou por Old Trafford
Redação Leonino
Texto
28 de Abril 2024, 17:29
Ralf Rangnick - Manchester United - Cristiano Ronaldo - Ex Sporting

Ralf Rangnick liderou o Manchester United em 2021/22, altura em que Cristiano Ronaldo integrava a equipa da Premier League. O internacional formado no Sporting fez, à data, uma exigência ao técnico que teve curta passagem no emblema britânico, e que só recentemente foi revelada.

De acordo com informações avançadas pelo jornal BILD, Ronaldo deu instruções a Rangnick para que o pusesse em jogo em quatro em cada cinco partidas. Segundo a publicação, o futebolista terá insistido que queria assistir à única partida que iria perder de casa, e não do relvado.

Cristiano regressou ao Manchester United quando Ole Gunnar Solskjaer estava no comando da formação dos red devils. Contudo, o norueguês foi entretanto demitido, e Rangnick foi a escolha do United para o cargo de treinador interino até ao final da época desportiva de 2021/22.

Após ter abandonado o emblema da Premier League, devido a problemas na relação que mantinha com Erik ten Hag, técnico neerlandês que comandava o Clube de Old Trafford, CR7 concedeu uma polémica entrevista a Piers Morgan na qual, para além de abordar os problemas internos do emblema inglês, teve oportunidade de criticar Rangnick.

“Nem sequer é treinador”, atirou o craque formado no Sporting, que assegurou, nas declarações prestadas ao jornalista desportivo, que ninguém no plantel do Manchester United entendia a nomeação do germânico como diretor desportivo.

Aos 39 anos, Cristiano Ronaldo – avaliado em 15 milhões de euros – continua em grande plano em 2023/24 em termos individuais. Na presente temporada, o internacional português soma, até à data, 44 jogos. Ao longo dos 3.844 minutos em que esteve dentro das quatro linhas, o internacional formado no Sporting apontou 42 golos e assistiu para finalização de colegas em 12 ocasiões.

  Comentários