FERNANDO NÉLSON APONTA FALHAS A PUPILO DE AMORIM NO SPORTING: "NÃO TEM RITMO COMPETITIVO"
Antigo jogador do Clube de Alvalade considera que jogador verde e branco ainda não está pronto para ser titular
Redação Leonino
Texto
21 de Abril 2024, 17:36
Sporting, Iván Fresneda, Liga-Europa, Sebastián Coates, Pedro Goncalves. Antonio Adán

Fernando Nélson, antigo jogador do Sporting diz que Iván Fresneda “não tem ritmo competitivo” suficiente para ser titular dos leões na lateral direita e diz que Eduardo Quaresma ou Jeremiah St. Juste podem ocupar a faixa nas ausências de Geny Catamo e Ricardo Esgaio.

“São dois jogadores que estão supermotivados e que conseguem aportar algo de positivo à equipa. O Fresneda vem de uma paragem muito longa, não tem ritmo competitivo e se as coisas correrem mal, de início, vamos ter um jogador a menos, porque ele vai cair, em termos anímicos e de confiança”, começou por dizer ao jornal Record.

“Contra a Atalanta foi o primeiro jogo que ele fez a titular e as coisas acabaram por não correr bem para a equipa e ele ressentiu-se de sobremaneira, nunca conseguindo entrar em jogo”, lembrou o antigo internacional por Portugal.

“Trincão a fazer todo o corredor? Acho que faz mais falta ao Sporting lá na frente para ter disponibilidade física e poder desequilibrar. Arrisca muito no um-para-um e é mais difícil ele fazer essas ações partindo de uma posição mais recuada”, explicou.

“Não acho que este seja o momento ideal para Fresneda. É melhor esperar que as coisas fiquem mais clarificadas, em termos classificativos, para poder ter o à-vontade para poder errar ou falhar e não ter o constrangimento dos adeptos e dos resultados”, concluiu.

O Sporting recebe, este domingo, 21 de abril, o Vitória de Guimarães, em duelo relativo à 30.ª jornada. Os leões, recorde-se, são atualmente líderes isolados, com sete pontos de vantagem sobre o Benfica e procuram conquistar o título da Liga Portugal Betclic. O embate frente aos minhotos está marcado para as 20h30, no Estádio José Alvalade.

  Comentários