MARCO FERREIRA E JORGE FAUSTINO DIZEM: SOARES DIAS DEVIA TER EXPULSADO DI MARÍA NO SPORTING - BENFICA
Jogador encarnado deu um soco a Pedro Gonçalves à passagem dos 33 minutos do jogo entre leões e águias
Redação Leonino
Texto
7 de Abril 2024, 15:28
Ángel Di María, Artur Soares Dias, Sporting, Sebastián Coates

O jogo entre Sporting e Benfica, deste sábado, dia 6 de abril, da 28.ª jornada da Liga Portugal Betclic, fica marcado por um lance muito polémico de arbitragem. À passagem dos 33 minutos, Ángel Di Maria envolveu-se numa altercação com Pedro Gonçalves e deu um soco na cara do jogador verde e branco. O árbitro Artur Soares Dias nada assinalou (Recorde AQUI o lance polémico).

Jorge Faustino e Marco Ferreira, dois especialistas em arbitragem, atribuíram nota 2 ao juíz do dérbi e dizem que o extremo da equipa encarnada deveria ter recebido ordem de expulsão depois da agressão ao pupilo de Rúben Amorim.

“Ángel Di María, com o jogo interrompido, passa por Pedro Gonçalves e atinge-o, com o punho fechado, na zona do nariz numa clara conduta violenta. Cartão vermelho por exibir”, escreve Marco Ferreira ao jornal Record.

“Já com o jogo interrompido, Pedro Gonçalves posicionou-se de forma a chocar com ombro no corpo de Di Maria. Provocação que justificava amarelo. Argentino reagiu, atirando o braço na direção do jogador do Sporting acertando-lhe no nariz com mão fechada. Vermelho por exibir”, indica Jorge Faustino.

O lance é semelhante ao de Pepe com Matheus Reis no Clássico que terminou com vitória dos leões por 2-0. O central português foi expulso com um cartão vermelho direto após agredir o defesa leonino. O central do Sporting ficou a sangrar do lábio após ter sido atingido pelo internacional português. Nuno Almeida foi rever o lance no VAR e decidiu-se pela expulsão do capitão do Porto. Desta vez, Artur Soares Dias nem ao VAR foi para expulsar o jogador do Benfica.

  Comentários