MIGUEL BRAGA CRÍTICA ARBITRAGEM DO FUTSAL
No jornal Sporting, responsável de comunicação dos leões afirmou que os encontros têm ficado “marcados por uma permissividade das equipas de arbitragem à agressividade da equipa adversária”
Duarte Pereira da Silva
Texto
11 de Junho 2021, 10:57
summary_large_image

Miguel Braga criticou, esta sexta-feira, 11 de junho, a arbitragem dos dois primeiros jogos da final do play-off da Liga Placard. Num artigo de opinião no Jornal Sporting, o responsável de comunicação dos leões considerou que os encontros têm ficado “marcados por uma permissividade das equipas de arbitragem à agressividade da equipa adversária”.

“Depois do fecho da edição, Sporting e Benfica defrontam‑se no jogo 3 do play‑off que vai consagrar, este ano, o campeão de futsal. Os dois primeiros jogos – uma vitória e uma derrota para os pupilos de Nuno Dias – ficaram marcados por uma permissividade das equipas de arbitragem à agressividade da equipa adversária”, afirmou Miguel Braga.

O responsável pela comunicação verde e branca desejou ainda “que o campo não ganhe tendência para se inclinar sempre para o mesmo lado”.

Recorde AQUI e AQUI alguns dos lances mais polémicos dos dérbis entre Sporting e Benfica.

Fotografia de Sporting

  Comentários