MORITA? ANTIGO TÉCNICO DO SPORTING DEFENDE QUE RÚBEN AMORIM TEM MELHOR NO PLANTEL: "MENOS PRECIPITADO"
Treinador que passou pelo Clube de Alvalade na temporada 2018/19 deixa nota ao líder leonino
Redação Leonino
Texto
17 de Janeiro 2024, 13:26
Hidemasa Morita, Sporting

Daniel Bragança ainda não conquistou na totalidade um lugar principal no plantel de Rúben Amorim, ainda assim, o médio de 24 anos tem feito os melhores números ao serviço do Sporting. Alexandre Santos, que orientou Daniel nos sub-23 dos leões, fala da sua evolução.

O treinador atual do Petro de Luanda, Alexandre Santos, que orientou Bragança nos sub-23 do Sporting em 2018/19, confessa:  “Daniel Bragança tem um controlo dos ritmos de jogo mais eficaz, menos precipitado, mas, por outro lado, arrisca menos do que Morita.”

“É mais cerebral e isso pode dar um pouco mais de dinâmica à transição entre as linhas ofensiva e defensiva, sendo que os leões com Bragança podem ser mais controladores com bola do que já são, mas trará também menos risco ofensivo ao jogo do que o japonês”, defendeu Alexandre Santos.

“Parece-me uma evolução perfeitamente expetável. Conheço a capacidade que ele tem e sei que quando tivesse mais hipóteses, e tendo em conta um plantel recheado de mais-valias, o que nem sempre torna fácil agarrar a titularidade, ele acabaria por agarrar essas chances para brilhar”, atirou o técnico.

“Sempre que atuou foi progressivamente correspondendo, uns momentos mais e uns momentos menos, mas a lesão também veio complicar a sua evolução. Agora, este ano, parece-me que, de forma natural, vai tendo mais hipóteses e até com um registo de golos assinalável. Ele tem tudo para se afirmar, até porque o coletivo encontra-se bastante estável e o treinador também o conhece muito bem. Tem tudo para ter ainda mais rendimento.”, conclui Alexandre Santos.

  Comentários