"PÉNALTI CLARO POR MARCAR"; RIVAIS DE CRISTIANO RONALDO CRITICAM ARBITRAGENS NO MÉDIO ORIENTE
Encontro das meias finais da Liga dos Campeões da Ásia ficou marcado por lance polémico na partida
Redação Leonino
Texto
24 de Abril 2024, 19:41
Cristiano Ronaldo, Al Nassr

O Al Hilal, grande rival de Cristiano Ronaldo na luta pelo título saudita, venceu esta terça-feira, por 2-1, na receção ao Al Ain, na segunda mão das meias-finais, mas falhou o apuramento para a final da Liga dos Campeões asiática, face à derrota por 4-2 na primeira mão da eliminatória.

Após o encontro, Jorge Jesus, ex técnico do Sporting teceu, duras críticas à arbitragem e queixou-se de que ficou por marcar uma grande penalidade a favor da sua equipa, sublinhado que o Al Hilal merecia ter chegado à final da competição.

“Preparámos a equipa com todos os planos de jogo, mas não tivemos sorte em marcar. Apresentámos uma segunda parte distinta, em que fizemos tudo. Não tivemos um pontapé de grande penalidade que é claro. E sentimos a falta de Mitrovic e Neymar”, disse o técnico português, citado pelo jornal Arriyadiyah.

“Revi os detalhes do jogo e vi as oportunidades alcançadas e disse-lhes no balneário: ‘Levantem a cabeça, vocês fizeram tudo’. Substituir Yasser Al-Shahrani foi com o objetivo de procurar soluções ofensivas, e incluí o Kanu para disputar bolas aéreas mantendo Malcolm na lateral, e quando Salem Al-Dawsari ficou lesionado, tive que recorrer ao Malcom. Não nos podemos esquecer de que esta equipa venceu 45 jogos e tenho a certeza que continuaremos a fazê-lo”, finalizou.

De recordar que o Al Ain eliminou o Al Nassr, de Cristiano Ronaldo, nos quartos de final da prova. Depois da derrota por 1-0 na primeira mão, os sauditas venceram a equipa dos Emirados Árabes Unidos por 4-3, em casa, mas acabaram sendo derrotadas por 3-1 nas grandes penalidades.

Cristiano Ronaldo, atualmente com 39 anos, – avaliado em 15 milhões de euros – continua em grande plano em 2023/24, em termos individuais. Na presente temporada, o internacional português soma, até agora, 43 partidas, tendo feito o gosto ao pé em 42 ocasiões, somando ainda  12 assistências na sua conta pessoal ao serviço do Al Nassr.

  Comentários