UM JOGO QUE SE ESPERA VISTOSO E NÃO BASTARDO
Jogo com a Fonte do Bastardo pode ser difícil
Rodrigo Soares Fernandes
Texto
21 de Fevereiro 2020, 16:42
summary_large_image

Sporting CP e AJ Fonte do Bastardo defrontam-se este sábado, dia 22 de fevereiro, em jogo da 22.ª jornada do Campeonato Honda. Num jogo entre duas das equipas mais fortes de Portugal, os leões ao vencerem dão um passo de gigante para confirmar o segundo lugar, que só em caso de uma grande hecatombe foge aos comandados de Gersinho.

A equipa açoriana da Fonte do Bastardo tem em Caíque Silva a sua principal referência. Nascido no Brasil, mas internacional por Portugal, o central está a fazer a 11.ª temporada na equipa da ilha Terceira, que na última década foi campeã nacional por duas ocasiões. O oposto brasileiro Gabriel Santos é uma cara bem conhecida do treinador do Sporting CP, já que foi seu treinador na temporada passada, no Corinthians.

A Fonte do Bastardo apresenta bons valores individuais que ainda não conseguiram render enquanto coletivo o que valem. Orientados por João Coelho vem de sete vitórias seguidas no campeonato, todas com a conquista dos três pontos.

Na primeira volta, o jogo entre as duas equipas terminou com vitória leonina por 3-0. Apesar da diferença máxima os sets foram equilibrados (29-27, 25-22 e 25-20), tal como se espera que venham a ser este sábado.

Em jogo disputado no Pavilhão do Casal Vistoso, por o jogo ter de ser mesmo sábado devido à deslocação da equipa açoriana de e para os Açores. Recordar que no sábado o Sporting recebe o CS Dinamo Bucaresti para a Liga dos Campeões de Andebol, o que obriga a utilização de um piso específico.

A equipa do Sporting CP está quase a 100% para este duelo, tendo apenas a ausência João Fidalgo lesionado. Gersinho vai querer uma vitória rápida para que os leões possam ter o máximo de descanso antes da deslocação à Hungria para as competições europeias.

  Comentários