VARANDAS QUER METER BENFICA 'AO BARULHO' EM JULGAMENTO DE CÉSAR BOAVENTURA, MAS NÃO SERÁ TAREFA FÁCIL PARA SPORTING
Dirigente dos leões pretende ver o rival a responder a acusações de aliciamento
Redação Leonino
Texto
14 de Janeiro 2024, 08:27
Frederico Varandas, Sporting

A última semana ficou marcada pelo ‘confronto de titãs’ entre Sporting e Benfica face ao julgamento de César Boaventura. A estrutura leonina deu a entender que pretende ver o Clube da Luz a responder pelas suspeitas de aliciamento, em 2015/16, contudo, é um cenário muito pouco provável de acontecer.

Isto porque o Ministério Público já tinha colocado os encarnados fora da equação, considerando que não existiam provas suficientes que relacionavam os comportamentos de César Boaventura com a SAD das águias. O órgão de justiça portuguesa afirmou, na altura, que os indícios não comprovavam que o empresário tinha aliciado os jogadores a mando do Benfica.

Neste sentido, apesar do Clube de Alvalade revelar uma opinião diferente à polémica que envolve o eterno rival, o caso implica, apenas, César Boaventura que está a responder, em tribunal, às acusações de corrupção ativa e de forma tentada.

Recorde-se que o Sporting já tinha feito um pedido para que o antigo presidente das águias, Luís Filipe Vieira, fizesse parte do julgamento, ao lado do próprio Benfica. No entanto, o superior hierárquico do procurador responsável pelo processo não corrigiu a acusação, deixando de parte os dois intervenientes requisitados pelos leões.

Vale destacar, ainda, que o Clube de Alvalade e o Porto fazem parte do processo apenas como assistentes. A próxima sessão em tribunal está agendada para dia 17 de janeiro, quarta-feira, durante o período da tarde. No julgamento anterior, foram ouvidos os testemunhos dos jogadores do Rio Ave e do Marítimo que admitiram o aliciamento por parte de César Boaventura.

Imagem de destaque
  Comentários