"MANCHA A VERDADE DESPORTIVA": FREDERICO VARANDAS E SPORTING ARRASAM DECISÃO DO MINISTÉRIO PÚBLICO EM FECHAR OS OLHOS A CORRUPÇÃO DO BENFICA
Encarnados foram campeões em 2015/16, época em que dois jogadores do Rio Ave foram pagos para perder com as águias
Redação Leonino
Texto
12 de Janeiro 2024, 19:58
Frederico Varandas, Sporting

César Boaventura foi o único acusado pelo Ministério Público, na sequência de dois jogadores do Rio Ave admitirem ter sido aliciados para perder com o Benfica. O MP alega falta de provas para culpar os responsáveis encarnados e o Sporting não fica calado.

“A Sporting SAD considerou após a devida análise, que o inquérito do Ministério Público continha factos sobre a relação próxima de César Boaventura com a Benfica SAD que deveriam ter sido investigados em sede de inquérito, tendo requerido a intervenção hierárquica”, pode ler-se, em comunicado.

“O Ministério Público manteve a posição inicial em que sustentou o arquivamento do processo quanto à Benfica SAD, insistindo na falta de provas”, criticam os verdes e brancos, tal como Bruno Mascarenhas, em declarações exclusivas ao Leonino – leia AQUI.

“É fundamental que a justiça faça o seu trabalho e que os crimes… A bem da verdade e a bem da perceção pública que os adeptos têm do futebol e das instituições. Há que legitimar, de uma vez por todas, o desporto nacional e lutar contra os crimes que continuam a envergonhar as instituições”, prosseguem os leões.

“A corrupção e o aliciamento de jogadores mancham a verdade desportiva das competições… No seguimento das notícias divulgadas recentemente, em que dois ex-jogadores do Rio Ave FC confirmaram em tribunal ter recebido propostas para perder jogos contra o SL Benfica, a Sporting Clube de Portugal – Futebol SAD reitera que a verdade desportiva não pode ser deturpada por comportamentos criminosos”, apontam.

 

Imagem de destaque
  Comentários