EX COLEGA RECORDA VIKTOR GYOKERES, GOLEADOR DO SPORTING, E A SUA FÚRIA: "NÃO SOU UM C****** DE UM LATERAL, SOU..."
Futebolista tem estado em grande destaque esta temporada, desde que ingressou no Clube de Alvalade
Redação Leonino
Texto
6 de Março 2024, 17:46
VIktor Gyokeres, Matheus Reis, Sporting, Benfica, Taça de Portugal

A Rádio Renascença lançou nesta quarta-feira uma extensa reportagem sobre as origens de Viktor Gyokeres, na qual vários ex-treinadores e colegas de equipa prestaram declarações sobre o avançado sueco, que tem impressionado desde que chegou ao Sporting no verão passado.

Na reportagem intitulada “Gyokeres antes da máscara”, Goran Thel, que orientou o jogador no IFK Aspudden-Tellus, clube sueco onde deu os primeiros passos na formação, recordou um jovem “pequeno e que chorava muito”: “Era um vencedor e, se não ganhasse, chorava”.

Descrito também como “teimoso” e uma “máquina” que não parava de correr, um pouco à semelhança de Cristiano Ronaldo, Gyokeres já tinha uma certeza desde a sua infância – o seu lugar no campo era perto da baliza adversária.

“Num dia, ele ficou furioso no intervalo de um jogo: ‘Eu não sou o c**** de um lateral, sou um avançado! O que estou a fazer aqui?’. Estava muito zangado”, recordou Gustav Magnusson, antigo companheiro de equipa do avançado no Brommapojkarna, clube onde se tornou profissional.

Viktor Gyökeres, recorde-se, chegou ao Sporting no início da presente temporada, oriundo do Coventry City, a troco de 20 milhões de euros, mais 4 por objetivos, sendo que os ingleses ficaram, ainda, com 15% de uma futura mais-valia (os leões podem reduzir esta percentagem para 10%). O avançado assinou contrato com os verdes e brancos até junho de 2028 e ficou com uma cláusula de rescisão na ordem dos 100 milhões de euros.

Até ao momento, o ponta de lança internacional sueco – avaliado em 45 milhões – leva 35 encontros realizados (2.877 minutos): 22 na Liga Portugal Betclic (1.880), sete na Liga Europa (486), quatro na Taça de Portugal (26) e dois na Taça da Liga (154). Ao todo, o sueco marcou 32 golos e fez 10 assistências, sendo a grande figura da temporada do Clube de Alvalade.

  Comentários