DUELO DE LEÕES PELOS TRÊS PONTOS
Comandados de Nuno Dias vão até Porto Salvo para tentarem o 16.º jogo consecutivo sem perder
Redação Leonino
Texto
7 de Março 2020, 11:37

Este domingo existe um embate entre leões e leões. A turma de Nuno Dias desloca-se até aqui bem perto, para defrontar os Leões de Porto Salvo, dia 8 de março, pelas 14h20, em partida a contar para a 20.ª jornada da Liga Placard.

Depois da goleada caseira do Sporting CP, frente ao Viseu 2001 (LER AQUI), os leões estão muito próximos de terem a liderança da fase regular assegurada. No entanto, com ainda sete partidas pela frente, todos sabemos que cair é fácil, sobretudo numa prova tão competitiva como está o campeonato nacional de futsal.

Este é, provavelmente, um dos jogos fora de portas mais complicados que os verdes e brancos têm pela frente. Os Leões de Porto Salvo têm estado em claro crescendo na Liga e, atualmente, encontram-se na quarta posição da tabela classificativa, com 34 pontos – os mesmos que o Módicus, que está em terceiro.

Com o claro objetivo de atingir os play-offs, a equipa de Rodrigo Almeida tem dado muito que falar. Tendo em Bruno Pinto o seu melhor marcador, com 15 golos, e em Ré o homem das assistências (7), a defesa da equipa de Nuno Dias tem de estar preparada para o que aí vem e, a jogar em casa, claro que os riscos que irão correr serão maiores.

Uma partida de reencontros

Por curiosidade, esta é, ainda, uma partida de muitos reencontros. Pois, do lado do conjunto de Porto Salvo, temos Pedro Cary e André Galvão. Sobre Pedro Cary, todos os Sportinguistas se lembram que abandonou, no final da época 2018/19, o Sporting CP, para rumar a terras espanholas, no Fútebol Emotion Zaragoza, mas acabou por regressar a Portugal ainda neste mercado de inverno. Depois de nove épocas ao serviço do Clube de Alvalade, o fixo internacional de 35 anos volta, agora, a encontrar-se com os leões. Já no que toca a André Galvão, o pivô fez a sua formação no Sporting CP e chegou mesmo à equipa sénior. Este, tal como Bruno Pinto, pode mesmo ser um perigo para a baliza verde e branca, pois já leva 10 golos esta temporada.

Na baliza dos Leões de Porto Salvo, mais uma cara conhecida: Bebé. O guardião, já muito experiente, de 36 anos, não tem das melhores relações com o Clube de Alvalade, depois de ter trocado o Sporting CP, onde esteve durante três épocas, pelo seu maior rival, o SL Benfica, onde jogou durante 11 temporadas. No entanto, a sua experiência tem sido uma das coisas que tem levado o Porto Salvo a vencer muitas partidas, pois tem feito uma época muito estável. Com a sua equipa a somar apenas 11 derrotas, um empate e 11 triunfos, a balança está equilibrada.

Na melhor fase da temporada

Já no que toca ao Sporting CP, atual primeiro classificado com 52 pontos, está, provavelmente, numa das suas melhores fases da época. Com o fantasma da Champions e da Taça da Liga para trás, os leões estão totalmente focados naquilo que ainda podem conquistar: a reconquista da Liga Placard e a revalidação da Taça de Portugal, que acontece já a partir do próximo dia 12 de março.

Mas voltemos à Liga. Na semana em que a secção de futsal fez 35 anos, fundada a 4 de março de 1985, acreditamos que a equipa leonina quer dar uma prenda à secção, nem que sejam mesmo estes essenciais três pontos. Neste momento, os comandados de Nuno Dias são a equipa mais goleadora (12) e com mais vitórias (17), estando há precisamente 15 partidas sem perder. Com Diego Cavinato como melhor marcador com o leão rampante ao peito, com 19 tentos, os verdes e brancos continuam a ser uma máquina de ataque – a melhor do campeonato, com 115 golos – e com uma defesa cada vez mais coesa – a segunda melhor defesa, com apenas 42 golos sofridos -, o que desejam manter nesta visita a Porto Salvo, para continuarem isolados no primeiro lugar.

A bola começa a rolar na quadra dos Leões de Porto Salvo pelas 14h20 de domingo, 8 de março, com transmissão na RTP1.

Fotografia de Sporting CP.

  Comentários