IMPARÁVEIS! SPORTING DE FREDERICO VARANDAS VOLTA REAFIRMA DISTINÇÃO
Clube de Alvalade repete feito de destaque a nível nacional
Redação Leonino
Texto
29 de Maio 2024, 17:27
Frederico Varandas, Sporting, Barcelona, Arsenal, La Liga

O Sporting voltou a ver a sua segunda casa, a Academia Cristiano Ronaldo, em Alcochete, mais uma vez reconhecida com o certificado de entidade formadora cinco estrelas, atribuído pela Federação Portuguesa de Futebol (FPF). Desta forma, os leões asseguram o estatuto que conquistaram pela primeira vez em 2018/19.

Os certificados, distribuídos anualmente, têm como objetivo distinguir os clubes nacionais que melhor trabalham na área de formação de jovens jogadores em Portugal, sendo que a certificação visa “distinguir as entidades de formação, de futebol para jovens até 19 anos, de acordo com o nível de qualidade do processo formativo”.

Recorde-se que no passado mês de março, teve lugar no Altis Grand Hotel, em Lisboa, a cerimónia de entrega dos diplomas da época 2022/23, em que os verdes e brancos estiveram representados pelo seu Diretor-Geral da Academia, Paulo Gomes. Também os líderes da FPF, Fernando Gomes (diretor), Humberto Coelho (vice-presidente) e Júlio Vieira (diretor), e, ainda, o líder da AF Lisboa, Nuno Lobo, marcaram presença.

Na altura, Paulo Gomes havia sublinhado que o prémio era o “reconhecimento do trabalho que tem sido feito desde há anos” e a prova de que o Sporting “mantém o nível muito alto”. “É fantástico e um sinal de que o trabalho de todos os departamentos e colaboradores da Academia é reconhecido. Isso dá-nos uma força-extra para continuar e melhorar e a ser cada vez mais uma Academia de excelência, a nível nacional e internacional”, completou ainda aos meios de comunicação dos verdes e brancos.

Frisou ainda a receita para o futuro, que claramente tem vindo a resultar: “Temos de continuar com o nosso ADN, a formação é a base de todo o trabalho do Sporting. Vamos apostar em ter melhores recursos humanos, infraestruturas e uma grande ligação entre todos os departamentos, para que consigamos formar jogadores para a equipa A todos os anos. Esse é o nosso trabalho diário e o que nos leva a estes reconhecimentos, tal como aconteceu há dois anos quando a ECA nos distinguiu. São estas pequenas coisas, que na verdade são grandes feitos, que nos mantêm ao nível da excelência”.

  Comentários