MANUEL MOURA DOS SANTOS FALA EM "COMUNICAÇÃO SOCIAL AFETA AO BENFICA" E GARANTE QUE SPORTING FOI "ENTALADO"
Conhecido adepto dos leões crê que turma de Rúben Amorim tem de esquecer jogo em atraso e acreditar que está em segundo lugar
Redação Leonino
Texto
11 de Fevereiro 2024, 13:46
manuel moura dos santos, sporting

Manuel Moura dos Santos acredita que o Sporting foi “entalado” por não ter disputado a partida frente ao Famalicão. O conhecido adepto dos leões garante que, por consequência, a turma de Rúben Amorim tem de esquecer esse desafio e acreditar que está no segundo posto, atrás do Benfica, de modo a ganhar força para o que aí vem.

“Não partilho da opinião de que o que se passou na passado fim-de-semana tenha sido uma ação deliberada para prejudicar o Sporting. Mas também acho que o meu clube foi o “entalado” da jornada”, começou por dizer, numa crónica no jornal O Jogo.

“Numa altura de competição intensa, com os calendários competitivos muito preenchidos, o adiamento do Famalicão – Sporting terá obviamente consequências no planeamento do trabalho da equipa. Isto é tão óbvio que ainda não foi possível marcar uma data para a realização do dito jogo. O Sporting atingiu a meia-final da Taça de Portugal, indo jogar a mesma com o Benfica, em dois jogos que se adivinham muito competitivos e intensos”, acrescentou.

“O sucesso desportivo cria mais problemas de calendário. E ainda bem. O que não está nada bem é ter-se criado um problema cuja resolução é uma incógnita. A carreira na Liga Europa será mais um fator decisivo em relação ao calendário. É claro que espero que a equipa consiga avançar nesta competição para as fases de decisão mais importantes”, prosseguiu.

“Para gáudio dos comentadores e comunicação social afeta ao Benfica, este passou para a liderança da Liga “à condição”. Seja à condição ou outra coisa qualquer, o Sporting tem de interiorizar que está a dois pontos da liderança e não que tem um jogo a menos. A estratégia tem de ser a de chegar à liderança da Liga, independentemente das vicissitudes do calendário competitivo. Esta atitude tem de ter uma ação imediata já hoje, no jogo com o Braga, em Alvalade, em que é fundamental vencer”, atirou.

Por fim, deixou uma nota sobre a última partida dos leões: “Vencemos o Leiria e estamos justamente nas meias-finais da Taça de Portugal. Foi um jogo de um só sentido, o que as estatísticas espelham. Embora o Leiria seja uma equipa bem orientada, com jogadores rápidos no ataque, não conseguiu resistir ao futebol de bom recorte praticado pelo Sporting”.

Gyokeres, sempre ele, esteve mais uma vez em grande plano, marcando dois golos e assistindo Pedro Gonçalves para o seu golo. A sua influência na dinâmica da equipa é tal que começa a ser difícil encontrar adjetivos para comentar as exibições do jogador sueco. Aumentem-lhe o salário, aumentem-lhe a cláusula e o que for necessário para mantê-lo em Alvalade”, terminou.

  Comentários