"O QUE ME PREJUDICOU FOI...": ADRIEN SILVA RECORDA FALHANÇO DE 14 SEGUNDOS NA SAÍDA DO SPORTING PARA O LEICESTER
Antigo capitão dos leões deixou Alvalade em setembro de 2018, para assinar com o emblema da Premier League
Redação Leonino
Texto
24 de Março 2024, 11:19
Adrien Silva, Sporting, Leicester

Adrien Silva recordou os seis duros meses que passou sem poder disputar qualquer jogo oficial, aquando da mudança do Sporting para o Leicester. O antigo capitão dos leões revela ter sido um período duro, mas que o ajudou a crescer e a lutar a tempo de ser convocado para o Campeonato do Mundo de 2018.

“Não fui inscrito por 14 segundos, daí ter escolhido o número 14. É sempre muito delicado falar sobre isso. São barreiras que temos de ultrapassar, justas ou injustas, e foi isso que eu fiz”, começou por dizer o atual médio do Rio Ave, em declarações ao jornal O Jogo.

“Depois de seis meses parado, apenas a treinar com a equipa, o realmente me prejudicou foi a mudança de treinador. Ainda consegui fazer jogos para poder ser convocado para o Mundial e foi mais uma vitória de muito sacrifício”, explicou o internacional português.

Na mesma entrevista, Adrien Silva garantiu que o título de 2015/16 “ainda está atravessado” e que os verdes e brancos de tudo fizeram para vencer o campeonato dentro das quatro linhas. No entanto, as ‘ajudas’ ao Benfica acabaram por ‘roubar’ o sonho do Sporting (saiba mais AQUI).

Recorde-se que o antigo capitão dos verdes e brancos foi contratado pelos foxes, que se atrasaram no envio dos documentos para a FIFA por 14 segundos. O órgão que tutela o futebol mundial não deu qualquer hipótese e o internacional português ficou sem jogar até ao mercado de inverno.

Com a Listada verde e branca, Adrien Silva – avaliado em 500 mil euros – contabilizou 241 jogos, 39 golos e 19 assistências. Em Alvalade, o médio conquistou cinco troféus: duas Taças de Portugal (2007/08 e 2014/15) e três Supertaças Cândido de Oliveira (2007, 2008 e 2015).

  Comentários