OUVIU-SE RUGIR NO BESSA (VEJA AQUI OS GOLOS)
Sporting CP mantém a senda vitoriosa depois de vencer o Boavista FC, por 0-2 , com golos de Nuno Santos e Pedro Porro
Maria Pinto Jorge
Texto
26 de Janeiro 2021, 23:09
summary_large_image

Esta terça-feira, dia 26 de janeiro, os comandados de Rúben Amorim foram até ao Estádio do Bessa para vencer – e convencer – por 0-2, em jogo a contar para a 15.ª jornada da Liga NOS. Nuno Santos (23′) e Pedro Porro (77′) foram os marcadores do encontro. Veja AQUI como decorreu a partida.

Com o Boavista FC a necessitar de uma vitória para sair da zona de despromoção, não foi desta que Jesualdo Ferreira conseguiu dar algum conforto aos axadrezados, ele que começou a partida num sistema de três centrais, para tentar diminuir a profundidade normal do Sporting CP.

Os leões entraram mais fortes no encontro e, como tal, também foram eles próprios a ter a primeira oportunidade de golo com um cruzamento de Nuno Mendes. E, por falar no jovem médio leonino, ele foi o mais interveniente durante a primeira metade, com uma oportunidade de golo, a assistência para o tento de Nuno Santos, vários outros lances de perigo e ainda na área defensiva dos leões.

Aos 23 minutos, Nuno santos antecipou-se aos defesas do Boavista FC, depois de assistência de Nuno Mendes, e colocou a bola dentro da baliza. O lance foi para análise do VAR, por alegado fora de jogo do atleta dos leões. No entanto, o mesmo acaba por ser validado por 10 centímetros.

Com alguns desperdícios de golos concedidos por Sporar, o Sporting CP chegou ao intervalo com a vantagem mínima. Os leões foram para os balneários com 76% de posse de bola, com sete remates à baliza, contra apenas um do Boavista FC. Os verdes e brancos, melhor defesa e segundo melhor ataque do campeonato, mostravam bem a forma como iam defrontando a pior defesa da Liga.

Na segunda parte, Jesualdo Ferreira abdicou dos três centrais por uma equipa mais atacante, sabendo que não tinha nada a perder. O Boavista FC mostrou-se ligeiramente mais pressionante, mas a bola continuava a responder pelo nome aos leões, ainda que a mesma continuasse a não entrar por mais oportunidades possíveis. De realçar o minuto 53, em que Sporar falha a bola na linha de golo depois de um passe perfeito de Nuno Santos, que era apenas empurrar.

Já com o pé quente desde a última partida, Pedro Porro deu o descanso merecido aos leões. À passagem pelos 77 minutos, o espanhol dirige uma bomba até à baliza de Léo Jardim, sem hipótese para defesa, e faz o segundo golo leonino.

No entanto, nem tudo podiam ser boas notícias nestes últimos 15 minutos. João Palhinha, que não fez parte do onze inicial, entrou aos 76 minutos e levou cartão amarelo aos 79, num lance de falta duvidosa, que o deixa, assim, de fora no dérbi da próxima jornada.

Com esta vitória, o Sporting CP segue em primeiro lugar com 39 pontos, mais quatro que o FC Porto – em segundo – e mais seis que o SL Benfica, com quem disputará os pontos da 16.ª jornada, no Estádio José Alvalade, dia 1 de fevereiro (segunda-feira), pelas 21h30.

Confira os golos do encontro:

  • Nuno Santos, 0-1

  • Pedro Porro (0-2)

Fotografia de Sporting CP.

 

  Comentários