VARANDAS CONVOCA ASSEMBLEIA GERAL DA SAD DO SPORTING PARA DELIBERAR SOBRE EMPRÉSTIMO OBRIGACIONISTA E CONVERSÃO ANTECIPADA DOS VMOC
Informação deu entrada, esta segunda-feira, dia 15 de janeiro, no portal da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM)
Redação Leonino
Texto
15 de Janeiro 2024, 21:32
Frederico Varandas, Sporting

O Sporting agendou para dia 6 de fevereiro uma Assembleia Geral da SAD destinada a deliberar sobre a emissão de um empréstimo obrigacionista até ao montante máximo de 50 milhões de euros. A reunião magna servirá ainda para deliberar sobre a conversão antecipada dos VMOC.

Com esta decisão e a entrada do capital correspondente na SAD, os verdes e brancos passam a deter 88% da sociedade que gere o futebol leonino (atualmente têm 84%), o que deverá acontecer até ao próximo dia 15 de fevereiro.

A partir dessa data, o capital da SAD do Sporting aumentará dos atuais 150 milhões de euros para 202 M€, dos quais cerca de 177 milhões (os tais 88%) controlados pelo Sporting, ficando a administração leonina com caminho livre para a entrada de um investidor, através da venda de uma participação minoritária.

“Um feito que permite ao Sporting Clube de Portugal iniciar um novo ciclo na sua notável História. Um ciclo em que o Clube possa, de forma constante e inequívoca, estar na disputa da liderança de todas as competições desportivas, de forma sustentável e sustentada, com foco na criação de valor a longo prazo”, anunciou Frederico Varandas em dezembro.

De recordar que o Clube de Alvalade optou por antecipar parte das receitas do contrato que havia celebrado com a NOS, em 2015, de forma a comprar novos VMOC e aumentar o poder dos leões no capital social da SAD verde e branca.

  Comentários