AMORIM RELEGOU GYOKERES PARA O BANCO NO SPORTING - ATALANTA E A REAÇÃO DO SUECO É HILARIANTE: ATÉ HJULMAND TEVE DE AJUDAR
Após 16 jogos como titular, ponta de lança dos leões não começou um encontro no 11 inicial
Redação Leonino
Texto
7 de Março 2024, 11:03
Rúben Amorim, Viktor Gyokeres, Morten Hjulmand, Sporting, Atalanta, Liga Europa

Viktor Gyokeres não foi escolha inicial de Rúben Amorim para a receção à Atalanta e a verdade é que, na hora de se sentar no banco, o sueco ficou um pouco confuso, precisando até da ajuda de Morten Hjulmand para encontrar o seu lugar, num momento que está a fazer as delícias dos adeptos do Sporting.

A verdade é que, na presente temporada, Viktor Gyokeres só havia começado quatro partidas no banco de suplentes até então: Rio Ave (2-0, Liga Portugal Betclic, casa), Olivais e Moscavide (3-1, Taça de Portugal, fora), Dumiense (8-0, Taça de Portugal, casa) e Tondela (2-1, Taça da Liga, fora).

Antes de não ser titular diante da Atalanta, Viktor Gyokeres levava 15 jogos consecutivos a atuar como titular na equipa do Sporting. A opção de Rúben Amorim é explicada pelo foco total na Liga Portugal Betclic, mais precisamente na deslocação ao reduto do Arouca, com o técnico a necessitar de dar algum descanso ao sueco.

Até ao momento, Viktor Gyokeresavaliado em 45 milhões – leva 36 encontros realizados (2.922 minutos), 32 golos e 10 assistências, sendo a grande figura da turma de Rúben Amorim na presente temporada. O avançado tem contrato com o Sporting até junho de 2028 e uma cláusula de rescisão de 100 milhões de euros.

Inicialmente, o Sporting pagou 20 milhões, mais 4 por objetivos e custos de intermediação, por Viktor Gyokeres. Contas feitas, ao dia de hoje, o sueco já custou 24,8 milhões aos cofres leoninos, sendo que existem, ainda, 3 milhões em objetivos por alcançar, o que pode atirar o investimento no sueco para bem perto dos 30 milhões (27,8).

  Comentários