AMORIM REVELA: MUNDIAL DO QATAR PODE PROVOCAR MUDANÇA TÁTICA NO SPORTING (COM VÍDEO)
Treinador leonino admite preparação diferente da equipa na paragem para o Campeonato do Mundo
Redação Leonino
Texto
13 de Novembro 2022, 09:10

Rúben Amorim falou da possibilidade de o Sporting passar a defender com uma linha de quatro jogadores, na conferência de imprensa de antevisão à partida com o Famalicão. O técnico verde e branco referiu a ausência de Coates para o Mundial do Qatar como decisiva para a preparação de uma segunda via tática.

Em causa estão as características do capitão dos leões, que, na opinião de Amorim, são muito específicas – no entender do líder verde e branco, o defesa de 32 anos necessita de dois centrais ao lado, provavelmente devido à sua falta de velocidade nas situações de contra ataque dos adversários. Sem ele, o conjunto de Alvalade pode mesmo alterar o 3-4-3.

“Podemos pensar a defesa de outra forma”

  • “O Coates vai embora, o que nos leva a podermos fazer alterações. A podermos pensar a defesa de outra forma.”
  • “[O capitão] tem características muito específicas. É um central que joga no meio.

De recordar que Coates e Ugarte vão enfrentar Portugal, no grupo H do Mundial do Qatar – os leões vão representar a seleção uruguaia. Morita foi chamada ao Japão, e espera-se que Fatawu seja convocado para o Gana, outro adversário da equipa das quinas no grupo.

O confronto entre Sporting e Famalicão será o último jogo dos leões antes do Mundial do Qatar. A partida está agendada para este domingo, 13 de novembro, pelas 20h30.

Confira as declarações, na íntegra, do técnico verde e branco:

 

NOTÍCIAS RELACIONADAS:

  Comentários