CONHECIDO ADEPTO DO SPORTING DESDRAMATIZA ADIAMENTO DO JOGO FRENTE AO FAMALICÃO: "NÃO NOS RENDAMOS ÀS POBRES TESES DO CONTRA TUDO E TODOS"
Comentador apela ao espírito combativo do universo verde e branco e aponta baterias ao que falta jogar da presente temporada
Redação Leonino
Texto
7 de Fevereiro 2024, 08:52
Sporting, Famalicão, Paulinho, Gyokeres

André Pinotes Batista defende que o Sporting saiu prejudicado com o adiamento do jogo diante do Famalicão. No entanto, num artigo de opinião no jornal ‘Record’, o conhecido adepto dos leões coloca-se ao lado de Frederico Varandas e desdramatiza a situação.

“Não sendo alheio à desconfiança de muitos, que no universo Sporting lamentam que este tenha sido o único jogo da 20.ª jornada adiado, por um motivo que é transversal e atual na sociedade portuguesa, considero ponderado subscrever as palavras do Presidente, Frederico Varandas, que refutou qualquer tese conspirativa”, atira André Pinotes Batista.

“Se a perda virtual da liderança, através de um artifício externo à competição e alheio aos seus protagonistas, poderá nem ser determinante, por infortúnio que seja o prejuízo do Sporting é evidente”, considera o deputado do Partido Socialista.

“Reina no Sporting um espírito combativo, focado e de entrega total. Independentemente do jogo em atraso vir a ser recuperado em março, abril ou maio é indispensável que não nos rendamos às pobres teses ‘do contra tudo e contra todos’, mas, ao invés, tornemos esta peripécia numa força adicional”, afirma André Pinotes Batista.

“O mote está dado, entre competições nacionais e internacionais, venha de lá qualquer data conforme aos regulamentos. Se entrarmos nesse jogo, na liderança, com um jogo a menos, o campeonato será – muito merecidamente – nosso. No Sporting, a força faz-se de suor e não de lágrimas. Seguimos”, finalizou o conhecido adepto dos leões.

  Comentários