DUARTE GOMES ANALISA SPORTING - ATALANTA E ATIRA: "SCAMACCA ESTAVA EM POSIÇÃO IRREGULAR..."
Antigo árbitro português comentou os lances mais polémicos do confronto europeu da passada quarta-feira, dia 6 de março
Redação Leonino
Texto
7 de Março 2024, 07:57
Duarte Gomes, Sporting, Atalanta

O Sporting recebeu e empatou em Alvalade frente aos italianos da Atalanta por uma bola. Duarte Gomes, antigo árbitro, analisou a partida e a exibição da equipa de arbitragem alemã no confronto europeu, à qual acabou por dar nota 7.

“14′ Isak Hien derrubou Paulinho por trás, impedindo que o avançado português pudesse sair com perigo pelo corredor esquerdo do seu ataque. A infração (a segunda que cometeu em pouco tempo) foi bem sancionada com o primeiro cartão amarelo da partida.”, pode ler-se na análise.

Sobre o primeiro tento da partida: “17’Golo legal do Sporting: no momento do passe de Francisco Trincão, Paulinho estava bem atrás da linha defensiva adversária. Tudo certo.”, e ao minuto 27′: “Jogada de muito perigo junto da baliza do Sporting, defendida in extremis por Franco Israel. Importa dizer que Scamacca estava em posição irregular que não foi identificada em campo. Quer isso dizer que se o lance tivesse resultado em golo ou em pontapé de penálti para a Atalanta, o VAR iria garantidamente intervir.”

“39′ Scamacca aproveitou assistência de Miranchuk para marcar o golo da igualdade em Alvalade. Toda a jogada foi legal.”, atirou Duarte Gomes sobre o golo adversário, prosseguindo: “48′ Scalvini, recém entrado na partida, atingiu por trás e com negligência o pé esquerdo de Trincão, derrubando-o em falta. Viu com justiça o cartão amarelo.”

“86′ Golo bem anulado pelo árbitro assistente a El Bilal: o avançado maliano estava ligeiramente adiantado quando foi solicitado por um colega de equipa. Decisão correta da equipa de arbitragem.”, continuou: “90+2’Falta atacante bem assinalada a De Ketelaere. O avançado belga, após a adiantar a bola, atingiu com imprudência o rosto de Daniel Bragança.“, concluiu.

  Comentários