“HISTÓRIA DO SPORTING CP EXIGE MUITO MAIS DO QUE AQUILO QUE FOI ESSA ÉPOCA”
Jorge Silas em declarações sobre a sua passagem pelo Sporting CP
João Estanislau
Texto
23 de Setembro 2020, 10:45
summary_large_image

Jorge Silas chegou em setembro de 2019 ao reino do leão. Ainda que no início da época, não preparou a mesma e segundo o próprio, nenhum jogador foi escolhido pelo técnico português:

“Os jogadores não foram escolhidos por mim, eram jogadores difíceis de encaixar nas ideias que eu queria, é diferente trabalhar assim. Se tivesse tido pré-época, teria corrido de forma diferente”.

Silas substituiu Keiser e após cinco meses, seria dispensado de Alvalade para dar lugar ao atual treinador dos leões, Rúben Amorim. Contudo, apesar de curta, é uma experiência que não está arrependido de a ter realizado.

“Passei por coisas pelas quais não passaria tão depressa noutro lugar. Para mim não foi uma desilusão, foi uma experiência, uma oportunidade de aprender. Sò durei cinco meses? Para treinar um clube como Sporting, até por cinco dias ia”.

O treinador de 44 anos, fez um total de 28 jogos oficiais pelo Clube de Alvalade e conseguiu um registo de 17 vitórias, um empate e 10 derrotas.

  Comentários