MATADOR FURTIVO: VIKTOR GYOKERES, ESTRELA DO SPORTING, PROVA (MAIS UMA VEZ) A SUA GRANDIOSIDADE
Após uma longa temporada ao serviço dos leões, o avançado sueco mostrou qualidades e provou valer mais do que 20 milhões de euros
Redação Leonino
Texto
20 de Maio 2024, 18:04
Viktor Gyokeres, Sporting, Portimonense, Liga Portugal Betclic

Viktor Gyokeres, avançado sueco, chegou a Alvalade no início da presente temporada desportiva, sob um clima de desconfiança e carregando consigo o preço de ser a contratação mais cara da história dos leões (20 milhões), mas foi apenas necessário o primeiro jogo com a camisola verde e branca – bisou no arranque da Liga Portugal Betclic frente ao Vizela – para começar a ganhar a confiança dos adeptos.

Com a época a chegar ao fim, Gyokeres foi coroado como a figura principal do título leonino, rei dos goleadores em Portugal, um dos atiradores furtivos mais eficazes do futebol europeu. No entanto, foi na principal competição nacional, que o avançado sueco de 25 anos escreveu história nos leões. Conquistou a Bola de Prata, um dos troféus individuais mais cobiçados em Portugal.

Os 43 golos conseguidos por Gyokeres na atual época reforçam o estatuto de matador. É de destacar que o ponta-de-lança sueco marcou a 14 das 17 equipas da Liga, apenas Estrela da Amadora, Estoril e Famalicão, escaparam ao efeito de Viktor Gyokeres.

O avançado foi determinante na caminhada histórica do leão que, pela primeira vez numa edição com 34 jogos, marcou em todas as jornadas. Somando 96 golos no total, o Sporting igualou o terceiro registo de melhor ataque de sempre na prova para os leões.

Para se ter ideia da relevância destes 43 golos na temporada, Gyokeres fez o mesmo número de golos do que aqueles que apontou nas últimas três temporadas ao serviço do Coventry em Inglaterra. Desta forma, Viktor Gyokeres é o novo dono da Bola de Prata, tornando-se, assim, no segundo avançado sueco a ser distinguido com este troféu, depois de Mats Magnusson.

  Comentários