Corner Left

Receba, em primeira mão, as principais notícias do Leonino no seu WhatsApp!

WhatsApp Seguir

Clube

“SPORTING PASSA A TER ‘ESTÁDIO’ DE 3 MILHÕES DE LUGARES” – ESPECIALISTA COMENTA NOVIDADES EM ALVALADE

Atual Direção, liderada por Frederico Varandas, tem vindo a 'remodelar' e melhorar as condições do reduto verde e branco

  |

Icon Comentário0

Em recente entrevista à CNN, Francisco Salgado Zenha, vice-presidente do Sporting, deixou claro que os Sócios e adeptos verdes e brancos terão "novidades em breve", isto no que toca à experiência do Clube e, claro, do Estádio José Alvalade, como já tem vindo a acontecer ao longo da temporada. Posto isto, Daniel Sá, especialista em marketing do desporto, debruçou-se estas alterações dos leões.

A verdade é que, até ao momento, a Direção dos leões tem vindo a fazer um grande investimento no reduto leonino. Até agora, o Sporting anunciou que o fosso será fechado até 2026 e irá começar com a utilização de luzes LED, já aumentou do número de portas de entrada para 12, substituiu das cadeiras e iniciou a troca dos ecrãs, instalou novos torniquetes equipados com tecnologia NFC, realizou um teste piloto relativamente ao uso de Wi-Fi 6E e passou, ainda, à pintura das infraestruturas, além da melhoria das condições das casas de banho e, na parte de força, as bilheteiras.


"O Sporting joga cerca de 30 jogos em casa por ano. Há 330 dias do ano em que não joga lá. Também tem de ser garantido por aí outro modelo de negócio e aproximação aos sócios. Nos 30 dias em que joga em casa há a possibilidade de melhorar a experiência dos 50 mil adeptos que vão a Alvalade, mas também os que o fazem à distância. Os clubes até deviam investir nos outros 2 ou 3 milhões de adeptos que vão poder consumir o jogo de forma muito diferente. Olhamos para as redes sociais e sabemos como é importante captar as gerações mais novas. Isso acontece com redes sociais como o TikTok em que o Sporting tem apostado. Mas deve-se pensar ainda noutras redes sociais que ainda não existem e noutras tecnologias. A tecnologia vai mudar muito e permitir que alguém em casa consiga ter o mesmo tipo de experiência no sofá do que alguém que está em Alvalade. Não vai ser igual mas ficará muito parecido. Isso muda o modelo de negócio dos clubes", começou por dizer, em declarações ao jornal Record.


"Assim, por exemplo, o Sporting vai passar a ter um 'estádio' de três milhões de lugares porque permitem uma experiência diferente e única", atirou, passando depois a explicar como os leões podem expandir a sua marca.

"É possível competir pela marca Sporting com outras marcas de grandes clubes europeus. Mas não só! E pode-se competir com o Café Delta, a marca Luso e o Banco Santander. A marca Sporting tem mais de 100 anos, são raras as marcas de outras indústrias com essa longevidade. Têm notoriedade e reputação, e se forem devidamente trabalhadas são rentáveis. Até agora os clubes vivem com receitas à volta com futebol e desporto, mas no futuro vão começar a ganhar dinheiro à volta do futebol. Por exemplo, um adepto comprar água com o Sporting, fazer crédito de habitação com o Sporting... ter um hotel do Sporting. A marca estará noutras indústrias e os serviços não vão ser apenas compradas por sportinguistas. Posso ser um indivíduo que gosta de desporto e compra isso", rematou.


Confira aqui o Estádio José Alvalade ao rubro nos festejos do título de Campeão:

Clube

MOVIMENTO HOJE E SEMPRE SPORTING PEDE ALTERAÇÕES AOS ESTATUTOS E MUDANÇA NO MÉTODO DE VOTO

Adeptos do Clube de Alvalade enviaram documento a João Palma, Presidente da Mesa da Assembleia Geral dos leões

  |

Icon Comentário0

André Dias Ferreira, José Pedro Dionísio e Afonso Pinto Coelho, dando voz ao Movimento Sporting com Votos nos Núcleos, pedem alterações ao método de voto no Clube de Alvalade. Os Sócios dos verdes e brancos enviaram as mudanças a realizar, num documento direcionado a João Palma, Presidente da Mesa da Assembleia Geral dos leões.

"Um grupo de mais de uma centena de sócios, denominado “Sporting com voto nos núcleos” considera que os núcleos são espaços de “Sportinguismo”, que podem e devem ser utilizados para reforçar a democracia interna do clube, através da sua utilização como plataformas eleitorais numa lógica de proximidade com os sócios do Sporting", pode ler-se.


"O grupo, que junta sócios muito diversificados em termos de anos de filiação, pretende um aproximar dos sócios de todo o país ao Clube, fazendo jus à designação de “Clube de Portugal”, correspondendo à dinâmica nacional, bem visível nas recentes comemorações do título nacional de futebol", prosseguem.


"Nesta fase, ao abrigo dos números 2 a 4 do artigo 47º dos Estatutos do Sporting Clube de Portugal, a proposta pretende uma descentralização em 7 locais de votos: um por cada grande região do Continente (Norte, Centro, Lisboa e Vale do Tejo, Alentejo e Algarve), Madeira e Açores, em sistema de mobilidade, como o realizado nas recentes eleições europeias", continuam.

"Os signatários pretendem a introdução na ordem de trabalhos da próxima reunião da Assembleia Geral do Clube, que deverá ser realizada até final de junho, de um ponto de discussão e votação da proposta de alteração ao regulamento da Assembleia Geral, conforme documento enviado hoje às 11h15m, via correio eletrónico, ao Presidente da Mesa da Assembleia-Geral do Sporting Clube de Portugal, Dr. João Palma", terminam.



Clube

OBRAS EM ALVALADE A TODA A VELOCIDADE: MUDANÇAS RÁPIDAS TÊM DADO O QUE FALAR ENTRE ADEPTOS DO SPORTING

Direção verde e branca continua com alterações no reduto dos leões, com o intuito de modernizar o espaço

Mudanças em Alvalade têm dado que falar
Mudanças em Alvalade têm dado que falar

  |

Icon Comentário0

Como já antecipado pelo diário desportivo Record, o Sporting está mesmo com o pé no acelerador no que concerne às obras em Alvalade: após ter procedido à desmontagem do ecrã gigante do topo Sul do reduto principal dos leões, a estrutura verde e branca já está mesmo a intervencionar o que foi edificado na bancada Norte.

É importante ressaltar que o objetivo deste projeto, ‘Alvalade 2.0’, é desmantelar os objetos que remontam à fundação do Estádio, ou seja, agosto de 2003, colocando novos, mais funcionais e modernos. Desde que Frederico Varandas tomou posse no Sporting, em 2018, a Direção tem vindo a tomar largos passos em direção à melhoria das infraestruturas do Clube, ação que tem sido do agrado da comunidade leonina.

Vale lembrar que este projeto incidiu, para além dos dois ecrãs gigantes, sobre os anéis anteriores, as casas de banho e os elevadores. Será ainda inaugurado, na próxima época, um novo espaço – o ‘SCP Business Hub’, que servirá para receber diversos eventos e para ‘cowork’ fora dos dias de jogo.

De igual modo, o fosso de Alvalade vai ser alvo de alterações, sendo que o Sporting vai mesmo dar início às obras com o intuito de fechar o mesmo. Devido à dimensão da obra, a conclusão da mesma só será possível perspetivar durante a época de 2025/26, que também corresponde à última do mandato dos atuais órgãos sociais. Importa ainda ressalvar que os leões já renovaram toda a zona das bilheteiras em redor do Estádio.

No confronto da Seleção frente aos finlandeses, no dia 4 de junho, as obras nas bancadas já estavam à vista: segundo imagens divulgadas pelos vários meios de comunicação, os camarotes do Estádio estavam a ser intervencionados ao mesmo tempo que ocorreu o combate, tanto que nem sequer receberam público na partida amigável. Assim, o objetivo desta intervenção assenta na modernização e melhoria das condições dos camarotes.

Recorde aqui este grande momento no Estádio José Alvalade:



Futebol

SPORTING DÁ MASTERCLASS DE COMO ENCHER OS COFRES DE ALVALADE: “OS ADEPTOS PODEM CRITICAR, MAS QUEREM UMA EQUIPA PARA SER CAMPEÃO”

Especialista elogiou a ‘jogada’ dos leões

  |

Icon Comentário0

Daniel Sá, especialista em marketing desportivo e diretor-executivo do IPAM, analisou a questão do novo equipamento do Sporting em parceria com a marca CR7. Os leões têm visto a camisola ser partilhada por todo e mundo e já bateram recordes de vendas graças à parceria.

“É uma boa estratégia de marketing por parte do Sporting. Inclusivamente porque vemos cada vez mais os clubes europeus a saber gerir esta questão dos equipamentos. Há um efeito novidade. O 3.º equipamento é aquele que os clubes conseguem utilizar para ser mais arriscado. Quer em termos de cores ou formato. Dá para ser mais criativo. Veja-se os exemplos dos equipamentos do Benfica, o cor-de-rosa de há algumas épocas, ou desta temporada, com a linha que representam os 5 continentes. Esta forma revivalista, como acontece com a nova camisola do Sporting, tem uma narrativa associada. É uma boa estratégia, porque permite chegar a um público que não seja tão fanático. Permite chegar a outros públicos”, começou por dizer, em declarações ao jornal Record.


“Temos uma mistura de gerações diferentes nos adeptos. Há uns anos era estranho ter jogadores estrangeiros e passou a ser normal. Não era normal ter publicidade nas camisolas e passou a ser assim. Os tempos mudaram. Com todo o respeito pela história, isto é o Sporting em 2023 e num Mundo extremamente competitivo, a todos os níveis. Os adeptos podem criticar, mas querem uma equipa para ser campeão e o clube a gerar receitas. O sentimento muito puro no futebol já não é real. Os clubes têm de gerar receitas. Isso é o Mundo real”, fomentou o especialista em marketing.


“Esta é sempre uma matéria sensível... Os adeptos têm amor ao clube. Não têm amor a uma marca de roupa ou carro que se usa. Por isso é que é um tema tão sensível. E isto da mudança do símbolo em si tem acontecido até um pouco por toda a Europa. Especialmente em Itália. A Juventus é conhecida por Vecchia Signora [Velha Senhora] e, se olharmos aos últimos anos, mudou várias coisas como o símbolo, até bastante diferente, mas não perdeu esse legado. A mudança foi radical. Foi logo a nível de instalações, na comunicação e no equipamento. Mas resultou. Mas não vejo isto tudo, minimamente, como algo prejudicial para o Sporting, se acontecer”, terminou, valorizando a perspetiva dos adeptos em relação a novidades como esta.


envelope SUBSCREVER NEWSLETTER


+ notícias
REDES SOCIAIS NÃO PERDOAM: ADEPTO DO SPORTING 'APANHADO' EM FILA DO... PORTO
Clube

REDES SOCIAIS NÃO PERDOAM: ADEPTO DO SPORTING 'APANHADO' EM FILA DO... PORTO

 

Icon Comentário0
TENTATIVA DE DESPEJAR JUVE LEO E DIRECTIVO VÊ NOVIDADES: TRIBUNAL AVANÇA COM PROCESSO DO SPORTING
Clube

TENTATIVA DE DESPEJAR JUVE LEO E DIRECTIVO VÊ NOVIDADES: TRIBUNAL AVANÇA COM PROCESSO DO SPORTING

 

Icon Comentário0
SPORTING A DESCANSAR: AMORIM JÁ APROVEITA AS MERECIDAS FÉRIAS, MAS CONTINUA... ‘ON’
Clube

SPORTING A DESCANSAR: AMORIM JÁ APROVEITA AS MERECIDAS FÉRIAS, MAS CONTINUA... ‘ON’

 

Icon Comentário0