"A FORMA COMO OS SPORTINGUISTAS SE DESPEDIRAM DOS JOGADORES REPRESENTA UM EXCELENTE SINAL"
No editorial do Jornal Sporting, Miguel Braga elogiou reação dos adeptos à goleada frente ao Ajax, deixando ainda nova ‘bicada’ em Pepe e no VAR
Duarte Pereira da Silva
Texto
17 de Setembro 2021, 10:29
summary_large_image

Miguel Braga elogiou, esta sexta-feira, 17 de setembro, a reação dos Sportinguistas à goleada frente ao Ajax. No editorial do Jornal Sporting, o responsável de comunicação dos leões diz acreditar que a equipa vai reagir ao desaire já na partida diante do Estoril. O assessor do Presidente Frederico Varandas deixou ainda uma ‘bicada’ em Pepe e críticas ao VAR do clássico.

“Regresso à Liga dos Campeões não correu como esperado”

  • “O regresso à Liga dos Campeões não correu como esperado. No entanto, apesar do resultado, a reação que se pede à equipa – e que os próprios jogadores e treinador frisaram no final da partida – começou logo após o apito final”.
  • “A forma como os Sportinguistas presentes em Alvalade se despediram dos jogadores representa um excelente sinal para que o grupo regresse aos triunfos já no domingo, na difícil deslocação ao reduto do Estoril Praia, uma das boas sensações do campeonato nestas primeiras jornadas”.

“A dor de cada Sportinguista é partilhada por todos no balneário”

  • “A dor de cada Sportinguista é partilhada por todos no balneário. Mas tal como disse Luís Neto no final da partida “como grupo vamos sair mais fortes. Fomos formados na vontade de fazer mais e melhor, somos muito unidos e um grupo que se conhece muito bem. Às vezes, estes golpes vêm pelo melhor motivo. Amanhã já todos estarão fortes no treino”.
  • “Do lado de Paulinho, a receita para o futuro próximo: “O Sporting no ano passado também foi eliminado em casa por números desta natureza. Reagiu bem e é isso que vamos fazer: reagir”. Não nos esqueçamos que esta é a equipa campeã nacional, que venceu também a Taça da Liga e a Supertaça. Não nos esqueçamos que estes são os primeiros passos de uma longa e difícil caminhada. Não nos esqueçamos que os jogadores e equipa técnica merecem todo o nosso apoio. E ontem, no estádio, demos prova disso mesmo. Somos da raça que nunca se vergará. Que ninguém duvide”.

“A (in)justiça do futebol tem destas coisas e, infelizmente, também continua a ter outras”

  • O Sporting realizou frente ao Porto uma exibição personalizada que merecia mais golos e um melhor resultado final. A (in)justiça do futebol tem destas coisas e, infelizmente, também continua a ter outras”.
  • “Por essa razão, o Sporting enviou à Comissão de Instrutores da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) um pedido para a elaboração de um auto de flagrante delito a Pepe. Em causa, um lance dentro da área do FC Porto, aos 32 minutos, que passou em claro à equipa de arbitragem de campo e também à equipa que está confortavelmente sentada na Cidade do Futebol e sem a pressão do público ou dos bancos no estádio”.
  • “Não está em causa a qualidade do central azul e branco, internacional por Portugal. Está em causa uma agressão clara aos olhos de todos. Estes lances não devem fazer parte do “normal” do futebol português”.

Fotografia de Sporting

  Comentários