ANTIGO JOGADOR DO SPORTING LANÇA FARPAS A NUNO SANTOS E AFIRMA: "NESTE PLANTEL EU DAVA-LHE LUTA..."
Ex-lateral esquerdo dos leões recordou os tempos de leão ao peito e confessou acreditar num possível regresso a Alvalade para arrumar as botas
Redação Leonino
Texto
2 de Fevereiro 2024, 10:27
Nuno Santos, Sporting

Numa entrevista exclusiva ao jornal ‘A Bola’, Jeffersonex-lateral esquerdo do Sporting, relembrou a temporada 2015/2016, na qual a equipa leonina perdeu o título depois de liderar no final da primeira volta. Depois de recordar os tempos de leão ao peito, afirmou que teria lugar no plantel de Rúben Amorim.

“Eu acho que sim. Dava luta ao Nuno Santos, que é um excelente jogador, mas eu jogava certamente. Gosto muito também do Pote, do Gonçalo Inácio… O Gyokeres é um excelente avançado. Era o jogador para eu cruzar e fazer golo de cabeça. Pode-se jogar para a área que é golo [risos].”, começou por afirmar.

Sobre terminar a carreira no Clube de Alvalade, remata: “Claro, é um clube em que eu joguei durante oito anos. Ia ser uma honra para mim e ficava muito feliz de encerrar lá a minha carreira. Queria ter saído de lá de outra forma…”.

“Eu costumava dizer que se ganha o campeonato com as equipas pequenas. Tem de se ganhar sempre, porque um clássico é complicado. Não se sabe se vai dar um empate, se vai ganhar, se vai perder. Às vezes é melhor jogar feio e ganhar os jogos.”, sobre o resultado recente com o Casa Pia: “Foi um jogaço, mas foi muito pesado para o Casa Pia, até liguei para um amigo meu que joga lá [Lucas Paes, guarda-redes suplente] e ele disse-me: ‘Passou um caminhão e um trator em cima de nós. Eles estão a voar.’”

Jefferson, relembra-se, representou o Sporting durante seis anos, de 2013 a 2019, onde realizou 126 jogos oficiais, marcando quatro golos e realizando 26 assistências. De leão ao peito, o defesa de 34 anos conquistou quatro troféus: uma Supertaça /em 2015), duas Taças de Portugal (em 2014/15 e 2018/19) e uma Taça da Liga (na temporada de 2018/19).

  Comentários