ANTIGO TREINADOR DE NUNO MENDES ACUSADO DE RACISMO TEM AFIRMAÇÃO POLÉMICA: “HESITEI ENTRE DIZER CÃO DE CAÇA OU KING KONG”
Apesar das críticas, técnico refutou todas as imputações que lhe têm sido feitas
Redação Leonino
Texto
15 de Dezembro 2023, 18:53

Christophe Galtier está no centro do furacão, mas o antigo técnico do PSG – onde orientou Nuno Mendes – não teve qualquer problema em reconhecer que, de facto, chamou ‘cão de caça’ e ‘king kong’ a Stéphanois Mickael Nadé e Harold Moukoudi, atletas que estiveram às suas ordens durante a sua passagem pelo Saint-Étienne (2008 a 2017).

“Lembro-me que hesitei entre dizer ‘cão de caça’ e ‘King Kong’. Utilizei esse termo. King Kong é força e pujança. Não há outra conotação a não ser força e pujança”, afirmou Christophe Galtier, em declarações à televisão francesa RMC Sport.

“Com toda a humildade, assumo que disse o mesmo do jovem [Mickael] Nadé, em 2017, no Saint-Étienne. Se houvesse que estivesse bem posicionada para que eu falasse da sua força, teria de utilizar esse termo”, atirou o antigo técnico de Nuno Mendes no PSG.

“Quando jogámos contra o Nantes, na final da Taça de França, utilizei a mesma fórmula com Nicolas Pallois. Olhando para trás, pode ter sido ofensivo. Se isto o ofendeu, tenho de pedir desculpa. Sim, utilizei o termo, mas não numa ótica racista”, finalizou Christophe Galtier.

Após sair do comando técnico do PSG, o técnico francês de 57 anos rumou ao Al-Duhail, do Qatar. Até ao momento, em dez encontros, Christophe Galtier leva cinco triunfos, um empate e quatro derrotas, estando em quinto lugar do Campeonato Nacional.

Imagem de destaque
  Comentários